Bangkok é realmente uma cidade barata?

Muito se fala sobre os preços baixos praticados nos países do sudeste asiático. Para muitos viajantes, o custo de vida do local visitado é um critério importante, principalmente pra quem tem um orçamento pequeno fixado. Estivemos em Bangkok no final de novembro de 2015 e fizemos um levantamento sobre as principais despesas que você terá visitando a capital tailandesa. Queremos com isso incentivá-lo a pensar na Tailândia como um destino acessível nesse período onde a ascenção do Dólar e do Euro têm atrapalhado o planejamento de muita gente.

Bangkok é uma cidade barata? Custo de vida em Bangkok, principais despesas, compras e deslocamentos com Tuk Tuk na capital da Tailândia. Créditos: Gisele Rocha

Clique na imagem acima para adicionar este artigo em seu Pinterest e veja também nossos painéis. Foto por: Gisele Rocha

Para facilitar a leitura, colocamos os valores abaixo em Real, utilizando a taxa de câmbio da época, onde R$ 1,00 = 9.29 Thai baht. Ainda, leve em consideração que a parte em que exploramos pra valer foram os arredores da Khao San Road. Conheça agora parte do custo de vida na Tailândia!

1 Alimentação

Gisele comendo um macarrão de rua na Khao San Road

Gisele comendo um macarrão de rua na Khao San Road. Créditos: Adriano Castro

Felizmente, os hábitos alimentares dos tailandeses são razoavelmente parecidos com os nossos. Arroz, legumes, carne de porco e frango são alguns dos pratos que você encontrará em quase todos os restaurantes. Pudemos perceber que vários locais na Khao San Road servem café da manhã, alguns no estilo inglês.

  • Café da manhã: R$ 7,00 – R$ 10,00
  • Almoço: R$ 10,00 – R$ 15,00
  • Comidas de rua (espetinhos de carne, kebabs, macarrão): R$ 1,00 – R$ 6,00

O segredo de um bom e barato café-da-manhã é procurar uma das várias lojas da rede 7-Eleven em Bangkok. A grande maioria delas possui microondas, e você pode escolher várias opções de cafés, sucos, croissants e outros salgados.

2 Bebidas

Gisele tomando um café gelado (Iced Coffee) na Khao San Road

Gisele tomando um café gelado (Iced Coffee) na Khao San Road. Créditos: Adriano Castro

Aos amantes da boa e velha cerveja a notícia é desagradável: bebidas alcoólicas na Tailândia são caríssimas. Depois de muito rodar pela Khao San Road, a cerveja mais barata que encontramos era uma long neck a R$ 6,00. Nos mercados então nem se fala. Em alguns a mais barata não sai por menos de R$ 10,00.

Felizmente, água potável é barata por lá. Água da torneira não é potável, por isso você precisará calcular esse custo a mais, uma vez que o calor vai exigir que você esteja constantemente se hidratando.

  • Cervejas (considere as populares): R$ 6,00 – R$ 15,00
  • Sucos: R$ 7,00 – R$ 10,00
  • Água (garrafa de 1,5 L): R$ 1,00 – R$ 1,50
  • Baldinhos (famosos drinks servidos em baldes): R$ 20,00 – R$ 40,00
  • Iced coffee (café com gelo): R$ 5,00 – R$ 10,00

Procure se informar: lemos em alguns sites a respeito da entrada de bebidas alcoólicas no país ser proibida nos aeroportos, mesmo as compradas nos shoppings das zonas de embarque, como o Duty Free. Não podemos dar certeza sobre o assunto porque não tentamos.

3 Transportes

Atravessando o Rio Chao Phraya até Wat Arun

Atravessando o Rio Chao Phraya até Wat Arun. Créditos: Gisele Rocha

Em Bangkok existe um grande preconceito a respeito dos tuk-tuks. Falaremos sobre isso em um outro artigo, mas saiba de antemão que eles são mais vantajosos do que os táxis. Pelo que vimos, os preços de ônibus urbanos e até mesmo os que vão pra cidades dentro da Tailândia são muito baratos. Neste site você confere uma lista de preços de passagens para várias dessas cidades.

  • Ônibus urbano: R$ 3,22
  • Táxis
    • Tarifa inicial: R$ 3,76
    • Preço do km: R$ 0,75
    • Preço da hora parada: R$ 12,90
  • Gasolina: R$ 3,28
  • Fonte dos dados acima: Numbeo
  • Barcos: R$ 0,30 (cruzar o Rio Chao Phraya) – R$ 1,07 (navegar entre as estações do Rio Chao Phraya)

Ao andar de tuk-tuk, é necessário já ter um preço em mente e bater o pé incessantemente até que o motorista aceite. Eles vão negociar até tentarem convencê-lo do contrário, mas se você for persistente e amigável é possível andar por Bangkok pagando muito pouco.

Para sair do país ou até mesmo para longos destinos dentro da Tailândia, recomendamos buscar os preços de passagens na Air Asia, que é uma companhia low cost. Estamos fazendo nossos deslocamentos na Ásia por ela. É possível encontrar preços muito baixos até mesmo poucos dias antes da viagem, diferente da grande maioria das companhias aéreas que vão encarecendo absurdamente as tarifas quanto mais se aproxima da data desejada.

4 Excursões e tours

Adriano e Gisele em Ayutthaya, entre duas estátuas de Buda

Adriano e Gisele em Ayutthaya, entre duas estátuas de Buda. Créditos: Viajei Bonito

Ficamos assustados e muito pé atrás quando reservamos um pacote para visitar Ayutthaya, um dos destinos turísticos mais procurados por quem visita Bangkok e quer conhecer mais sobre a história do país. Na ocasião, o tour incluía: ônibus de ida e volta, guia, almoço e durava o dia inteiro. E quanto nós pagamos? R$ 53,00 cada um! Não se assuste, não havia pegadinha: o passeio foi sensacional e eles cumpriram o prometido.

Se você está gostando do artigo até o momento, que tal curtir nossa página no Facebook?

5 Hospedagem em Bangkok

Os preços de hospedagem também são muito acessíveis.

Semanas antes de nossa viagem, pesquisamos a respeito dos melhores locais pra se hospedar em Bangkok. Decidimos por ficar próximos à Khao San Road, por ser o local ideal aos mochileiros: vida noturna, comida barata (não estamos falando sobre comer baratas, isso é assunto pra um outro artigo), bem distribuída de transportes públicos e muito próxima às principais atrações turísticas da cidade.

É possível encontrar bons albergues com quartos e banheiros privados por menos de R$ 40,00 a diária. Neste outro artigo listamos alguns dos melhores albergues próximos à Khao San Road.

6 Roupas

Roupas em cabide próximas ao Wat Arun

Roupas em cabide próximas ao Wat Arun. Créditos: Gisele Rocha

Andar por Bangkok e pela Khao San Road é estar em contato com centenas de vendedores ambulantes, a grande maioria disposta a negociar. É complicado fazer uma média de preços de vestuário, uma vez que isso depende do tipo e da qualidade da roupa, mas aqui vão alguns dos preços que encontramos enquanto estivemos pesquisando:

  • Calças longas e folgadas (ideal para visitar templos): R$ 10,00 – R$ 20,00
  • Camisetas (com estampas): R$ 10,00 – R$ 30,00
  • Vestidos: R$ 15,00 – R$ 30,00
  • Bonés: R$ 30,00 – R$ 40,00

7 Souvenirs

Souvenirs vendidos em um mercado próximo ao Wat Arun, Bangkok, Tailândia

Souvenirs vendidos em um mercado próximo ao Wat Arun, Bangkok, Tailândia. Créditos: Gisele Rocha

A quem busca uma lembrancinha pra presentear os amigos e parentes no Brasil, veja abaixo alguns dos vários objetos que podem ser encontrados nos vendedores da Khao San Road, Chinatown e nos demais mercadinhos de rua espalhados pela cidade.

  • Estátuas de Buda: variam muito, mas é possível comprar uma de tamanho médio entre R$ 30,00 – R$ 40,00
  • Abridores de garrafa: R$ 5,00 – R$ 10,00
  • Imãs de geladeira: R$ 2,00 – R$ 5,00
  • Adesivos: R$ 0,50 – R$ 1,00

Vale lembrar que na Tailândia, o comércio de imagens de Buda é considerado crime, inclusive pra quem tenta sair com uma do país. Entretanto, víamos lojas comercializando as imagens até mesmo nos templos de Bangkok, o que nos deixou confuso. Ao perguntar a um vendedor, ele nos informou que é proibido comercializar peças históricas no país, isto é, peças que pertenceram a templos ou que têm valor histórico agregado. Compramos duas e não tivemos problemas pra sair do país com elas.

8 Templos e atrações turísticas em Bangkok

Templo nos arredores de Wat Arun, Bangkok, Tailândia

Templo nos arredores de Wat Arun, Bangkok, Tailândia. Créditos: Gisele Rocha

Os preços praticados pelos templos e pelas principais atrações turísticas cabem no bolso até mesmo de quem prefere fazer tudo por conta própria (nosso caso!). Nos templos que visitamos, não pagamos mais do que R$ 15,00 e com relação aos museus, você pagará algo em torno de R$ 30,00.

Se você estiver interessado em ler mais sobre os templos, já escrevemos sobre o Wat Arun e o Wat Pho.

9 Massagens

A Tailândia é mundialmente conhecida por suas famosas massagens. Falaremos melhor delas em artigos futuros, mas você pagará algo em torno de R$ 30,00 pela massagem dos peixinhos + uma massagem completa e revigorante nos pés.

O custo de vida na Tailândia

Considerando Bangkok e Ayutthaya, tivemos uma boa impressão do custo de vida na Tailândia. Gastamos muito menos do que havíamos planejado do nosso orçamento de viagem e olha que não ficamos de mão fechada hora alguma. Se você também já esteve de passagem pelo país e tem alguma dica sobre como gastar pouco em Bangkok ou nas demais cidades, não deixe de compartilhar utilizando os comentários abaixo.

E aí, quer pagar quanto?

Ler mais sobre o nosso Mochilão Asiático

Se você gostou deste artigo e gostaria de ler outros sobre o nosso mochilão pela Ásia, veja abaixo por onde passamos e boa leitura.

United-States flag
Estados Unidos

Thailand flag
Tailândia

Outras notícias sobre a Tailândia

Vietnam flag
Vietnã

Malaysia flag
Malásia

Em breve

Singapore flag
Singapura

Prepare-se para sua viagem

Buddy Boutique Inn

62 Chakrapong Road, Taladyod, Pranakorn

Descrição obtida de Booking

Com quartos modernos a preços acessíveis, o Buddy Boutique Inn está rodeado pelas opções de animação nocturna de Khaosan e fica ao lado de um famoso restaurante tailandês. O acesso Wi-Fi está disponível de forma gratuita.

Quando você utiliza o botão abaixo para procurar sua hospedagem, o Viajei Bonito ganha uma pequena comissão e você não paga nada a mais por isso. É uma forma de ajudar nosso blog a continuar vivo, trazendo informações valiosas para sua viagem.

Verificar disponibilidade

Em Bangkok, nossa sugestão de hospedagem é o Buddy Boutique Inn. Você pode procurar outros hotéis através do Booking, ou então se sua preferência é por albergues, acesse o Hostel World.

Vai alugar um carro? O preço do aluguel de veículos na categoria Compacto em Bangkok é de aproximadamente R$120,00 por diária pela Hertz (confira mais preços aqui). Na Rentcars você compara preços em diversas locadoras no mundo todo com muita segurança, sem taxas no cartão de crédito, 5% de desconto no boleto, parcelamento em até 12 vezes e isenção de IOF.

É altamente recomendável contratar um seguro viagem para garantir assistência médica em acidentes ou doenças. Você pode fazer sua cotação clicando aqui e utilizando o cupom de desconto VIAJEIBONITO5. Aprenda a contratar um seguro viagem e conheça também o seguro viagem que vale por um ano inteiro.

Em Bangkok, o almoço simples sai por volta de R$5,76, já o fast-food sairá por mais ou menos R$15,37. Considerando o cappuccino, podemos dizer que o cafezinho da tarde custa R$6,76. Em restaurantes, a garrafa d'água de 330ml custa R$0,84, o refrigerante - considerando também o de 330ml - custa R$1,69 e o pint de cerveja R$6,24.

Descubra quanto custa viajar para Bangkok.

Saindo da Ásia, o voo mais barato para Bangkok parte de Dubai no dia 28/07/17 com volta em 31/07/17 e custa R$1.605,77 (ver também outras datas). Partindo da Europa, o voo mais barato para Bangkok sai de Paris no dia 12/10/17 com volta em 17/10/17 e custa R$1.784,29 (ver também outras datas). Do Brasil, o voo mais barato para Bangkok sai de Rio de Janeiro no dia 25/07/17 com volta em 08/08/17 e custa R$4.324,74 (ver as datas). Confira todas as opções de voo para Bangkok.

Com base em cotações atualizadas do Yahoo Finance a cada duas horas, a proporção entre o Baht tailandês e o Real é de 1 THB para 0,0986 BRL. Você pode simular o valor que deseja converter com os preços das casas de câmbio clicando aqui.

Viajei Bonito

Somos duas pessoas apaixonadas por movimento. Para nós, cair na estrada é mais importante do que um projeto futuro de estabilidade e quaisquer oportunidades de novas viagens, por mais remotas e loucas que pareçam ser, a gente tá pegando! Créditos da imagem de capa: Gisele Rocha
  • Roger Mestriner

    Artigo esclarecedor, parabéns!

  • Aislan Carlos

    Gostei do post e do blog, conheci pelo StumbleUpon

  • Legal, Aislan!! Começamos a divulgar nossos artigos por lá há pouco tempo. Ficamos felizes pelo feedback, pois assim sabemos que ele tem nos trazido mais leitores.

  • Valeu, Roger!!! Estamos escrevendo vários artigos sobre Bangkok e a Tailândia. Esperamos que você curta!

  • Jennifer Mariano

    Estou buscando informações para minha viagem à Tailândia e nossa… Estou gostando mto das informações publicadas. Parabéns pelo conteúdo.

  • Gisele Rocha

    Seu comentário encheu o nosso dia de alegria, Jennifer. Se precisar de outras informações, conte conosco. Estamos à disposição.

  • Flavio Mendes

    Muito bom o relato e adoro o blog de vocês.
    A Tailândia é muita barata mesmo e foi o país que escolhi pra morar.
    No meu blog falo muito sobre o país, depois da uma passada por lá
    http://www.viajeleve.net
    Abraços

  • Gisele Rocha

    Que bacana, Flavio! Vou ter sobre as suas experiências. Seja feliz aí!

  • Juliana Arthuso

    Olá gente, parabéns pelo post, vou usar pra minha viagem 🙂
    “Ao andar de tuk-tuk, é necessário já ter um preço em mente e bater o pé incessantemente até que o motorista aceite”. Quanto vocês pediram na época q tavam lá?
    abraço!

  • Olá, Juliana. Dependia muito da distância. Uma forma de estimar é utilizar esses aplicativos que permitem pedir táxi pelo celular, ou até mesmo o Uber. Vc gera a estimativa da rota. Digamos que ela seja equivalente a R$ 20,00, por exemplo, vc tenta negociar com o tuk tuk um valor abaixo disso. A ideia é ter noção do custo pra saber o quanto pedir.