Roteiro de 30 dias pela América do Sul com 6 mil reais

Desde que publicamos as três opções de roteiros para desbravar a Europa com 5 mil reais, muita gente, mas muita gente mesmo, veio nos perguntar se tínhamos um roteiro de mochilão pela América do Sul que coubesse em um orçamento aproximado. Viajar pelos países vizinhos tende a ser muito barato e descomplicado, não é necessário sequer ter passaporte, e por essas razões são frequentemente escolhidos pelos brasileiros como destinos para a primeira viagem internacional.

30 dias de mochilão pela América do Sul com menos de 6 mil reais no bolso. Passando por Uruguai, Argentina, Chile, Bolívia e Peru. Créditos: Laura Almeida

Clique na imagem acima para adicionar este artigo em seu Pinterest e veja também nossos painéis. Foto por: Laura Almeida

Pois bem, antes de apresentar o meu roteiro para um mochilão de 30 dias pela América do Sul, é importante deixar claro que seria impossível visitar todos os lugares legais em tão pouco tempo e com grana limitada. Sendo assim, escolhi as cidades mais visitadas, priorizando atrações gratuitas e passeios baratos. Se você já visitou essas cidades e quer adaptar o itinerário, sugiro que utilize o site Rome2Rio para traçar a nova rota. Ele mostra as melhores formas de deslocamento e ainda aponta a duração de cada viagem. É bem útil, embora os preços apontados por eles não sejam fiéis aqueles praticados pelas empresas de ônibus e companhias aéreas

Agora chega de explicações e vamos ao que interessa!

Roteiro de 30 dias pela América do Sul

Uruguai

Montevidéu – 3 dias
Colonia del Sacramento – 1 dia

Argentina

Buenos Aires – 3 dias
Mendoza – 2 dias

Chile

Santiago – 3 dias
Valparaíso e Viña del Mar – 1 dia
Atacama – 4 dias (sendo um dia inteiro de deslocamento, passando por estradas de tirar o fôlego)

Bolívia

Salar Uyuni – 3 dias
La Paz – 2 dias
Chacaltaya e Valle de la Luna – 1 dia
Tiahuanaco – 1 dia

Peru

Puno – 1 dia
Cusco – 3 dias
Valle Sagrado – 1 dia
Machu Picchu – 1 dia

Passagens aéreas

Para este roteiro de 30 dias pela América do Sul, escolhi comprar as passagens de ida e volta em cidades diferentes. Acaba saindo mais barato que retornar ao ponto inicial para enfim pegar um voo de volta ao Brasil. Em alguns casos, fica mais em conta comprar o combo de ida e volta e “jogar fora” a passagem de retorno. Faça algumas simulações e descubra a opção mais vantajosa para o período que você pretende viajar.

SaídaDestinoPreço
IdaRio de JaneiroMontevidéuR$349
VoltaCuscoRio de JaneiroR$525
Total R$874
*consulte preços atualizados aqui e aqui.

Dica importante: ir de Porto Alegre para Montevidéu de ônibus é uma opção barata e cômoda para sair do Brasil. Aqui no Viajei Bonito tem um post explicando como se faz.

Hospedagens

Não é necessário gastar muito para encontrar um hostel bom, limpo e bem localizado durante um mochilão pela América do Sul

Não é necessário gastar muito para encontrar um hostel bom, limpo e bem localizado durante um mochilão pela América do Sul. Créditos: Gisele Rocha

Para minimizar gastos com transporte público, escolha hotéis e albergues bem localizados. Prefira também aqueles que oferecem café da manhã gratuito, assim você economiza em alimentação.

CidadeAlbergueDiáriasValor diaValor total
MontevidéuLa Tatucera3R$35105
Buenos AiresWaikiki 4R$25R$100
MendozaHostel de Los Artistas2R$26R$52
SantiagoHostal Providencia3R$29R$87
ValparaísoHostal Cerro Alegre1R$43R$43
San Pedro de AtacamaMantra Desert4R$41R$164
La PazWild Rover4R$33R$132
CuscoPariwana4R$43R$172
Aguas CalientesCasa Paz Hostel1R$29R$29
TotalR$884

Deslocamentos

Viajar de ônibus é a forma mais barata de deslocamento entre os países da América do Sul

Viajar de ônibus é a forma mais barata de deslocamento entre os países da América do Sul. Créditos: ephotographythemes / Fonte: Pixabay

Para viagens longas, procure fazer o deslocamento à noite em ônibus confortáveis (poltrona cama ou semi-cama), assim você economiza em hostel e não perde tempo que poderia ser aproveitado em passeios.

Muito importante: os fiscais da imigração no Chile são muito rigorosos na inspeção das bagagens. Sabendo disso, não leve frutas ou alimentos de origem animal, pois todos eles serão confiscados e você pagará multa por cada item encontrado. Não sai barato!

OrigemDestinoTransporteEmpresaDuraçãoValor R$
MontevidéuColoniaÔnibusCOT ou Turil2h50R$40
Colonia del SacramentoBuenos AiresFerryBuquebus1h15R$123
Buenos AiresMendozaÔnibusVia TAC14H45R$152
MendozaSantiagoÔnibusCoitram7hR$61
SantiagoViña del MarÔnibusTurbus ou Condor1h25R$9,75
Viña del MarValparaisoÔnibustransporte urbano15 minR$1,65
ValparaisoAtacamaÔnibusTurbus22hR$110
AtacamaUyuniAgência-7h30R$600**
UyuniLa PazÔnibusTrans Omar10hR$70
La PazChacaltaya e Valle de la LunaAgência-2hR$42,50*
La PazTiahuanacoVan-1h10R$9,50*
La PazPunoÔnibusNC Internacional5hR$38
PunoCuscoÔnibus Cruz del Sur6h30R$40
CuscoValle SagradoAgência-11hR$85*
OllantaytamboAguas CalientesTremInca Rail1h30R$202
Aguas CalientesMachu PicchuMicro-ônibusConsettur30 minR$75*
Aguas CalientesOllantaytamboTremPeru Rail1h30R$195
OllantaytamboCuscoVan-2hR$10
Total R$1864,40
*ida e volta
**pacote inclui transporte, acomodação e refeições.
***existem muitas formas de ir a Machu Picchu. Conheça todas elas aqui.

Alimentação

Em alguns países da América do Sul é possível ter uma refeição completa por menos do equivalente a R$20. Vinhos costumam ser muito baratos também

Em alguns países da América do Sul é possível ter uma refeição completa por menos do equivalente a R$20. Vinhos costumam ser muito baratos também. Créditos: Cássia Mota

Média de R$35 com refeições por dia, totalizando R$1050 por 30 dias de mochilão. Leve em consideração que os hostels escolhidos oferecem café da manhã e que em alguns passeios as refeições já estão incluídas. Para os lanches, selecionei algumas opções rápidas e baratas.

Atrações turísticas

Monte Chacaltaya, nos arredores de La Paz, Bolívia

Monte Chacaltaya, nos arredores de La Paz, Bolívia. Créditos: Laura Almeida

Tendo em vista que cada país tem a sua moeda, optei por converter todos os valores em Real a fim de facilitar os cálculos.

No Uruguai é possível conhecer as principais atrações de Montevidéu sem gastar nada. Já em Colônia, meu único gasto foi de R$2,85 para subir até o topo do farol. Em Buenos Aires também optei pelas atrações gratuitas, me informando sobre os dias de entradas livres nos principais museus da capital argentina. Em Mendoza os gastos também foram baixos, R$20 com aluguel de bicicleta + R$15 tour guiado Museu do Vinho San Felipe.

Visitando Santiago, a capital do Chile, mais uma vez encontrei muita coisa para fazer de graça. Em Valparaíso me permiti desembolsar R$28,80 no ingresso da La Sebastiana, casa de Pablo Neruda que hoje abriga um museu em homenagem a ele. Em Viña del Mar o passeio também não custou nada.

Toda economia vale a pena, tendo em vista que no Deserto do Atacama o dinheiro vai embora em dois tempos. O tour imperdível pelo Salar de Tara custa atualmente R$241. O passeio pela Laguna Cejar sai por R$144,50 (R$82 o tour + R$62,50 do ingresso); Valle de da Luna custa R$48 (R$34 o tour + R$14 do ingresso); Geysers del Tatio R$168 (120 o tour + R$48 do ingresso) e Baños de Puritama (R$72,25 a entrada).

No Salar do Uyuni todos os passeios e deslocamentos já estão incluídos no pacote de R$600 que mencionei no subtítulo “deslocamentos”. Depois de tanto dinheiro voando pelos ares, optei por visitar somente atrações gratuitas em La Paz, mas não abri mão de conhecer o Monte Chacaltaya e o Valle de la Luna. Os passeios custaram singelos. R$14. O de Tiahuanaco custou R$50, mas valeu a pena.

Chegando ao Peru, gastei R$45 para visitar as Islas Flotoantes de Uros e Taquille em Puno. Em Cusco foram R$130 com o boleto turístico, válido por 10 dias, abrangendo inclusive o Valle Sagrado. Ótimo investimento!! Para encerrar com chave de ouro, veio Machu Picchu. O ingresso custa atualmente R$152.

Se você está gostando do artigo até o momento, que tal curtir nossa página no Facebook?

Seguro viagem

Embora não seja obrigatório, o seguro viagem faz-se mais que necessário. Consultas médicas não costumam ser baratas, sobretudo em casos de acidentes e internações. Para um mochilão de 30 dias pela América do Sul, gasta-se apenas R$224,44. Faça a sua cotação e use o código abaixo para conseguir um desconto camarada.

VIAJEIBONITO5

Total estimado

DespesaValor R$
Passagens aéreasR$874
HospedagensR$884
AlimentaçãoR$1050
DeslocamentosR$1864,40
Atrações turísticasR$1059,15
Seguro viagemR$244,44
TotalR$5975,99

Vale ressaltar que o artigo foi concebido em maio de 2017, e por conta da inflação e das constantes mudanças do câmbio, o que hoje custa R$ 6.000,00 pode custar um pouquinho mais no futuro, ou menos se você tiver sorte. Entretanto, se você quiser saber quanto custa viajar por cada país da América do Sul com informações atualizadas, acesse nossa página de quanto custa.

Prepare-se para sua viagem

Em Santiago, nossa sugestão de hospedagem é o Rado Boutique Hostel. Já em Machu Picchu, recomendamos o Andino Hotel. Em Montevidéu, nossa recomendação é o La Tatucera Montevideo Hostel. Você pode procurar outros hotéis através do Booking, ou então se sua preferência é por albergues, acesse o Hostel World.

Vai alugar um carro? O preço do aluguel de veículos na categoria Compacto em Santiago é de aproximadamente R$130,00 por diária pela Keddy (confira mais preços aqui). Na Rentcars você compara preços em diversas locadoras no mundo todo com muita segurança, sem taxas no cartão de crédito, 5% de desconto no boleto, parcelamento em até 12 vezes e isenção de IOF. Compare preços para Montevidéu, Cusco e Buenos Aires.

Veja o motivo pelo qual recomendamos o seguro viagem para quem viaja pela América do Sul. Você pode fazer sua cotação clicando aqui e utilizando o cupom de desconto VIAJEIBONITO5. Aprenda a contratar um seguro viagem e conheça também o seguro viagem que vale por um ano inteiro.

Em Santiago, o almoço simples sai por volta de R$24,06, já o fast-food sairá por mais ou menos R$19,25. Considerando o cappuccino, podemos dizer que o cafezinho da tarde custa R$8,72. Em restaurantes, a garrafa d'água de 330ml custa R$3,34, o refrigerante - considerando também o de 330ml - custa R$4,18 e o pint de cerveja R$7,22.

Descubra quanto custa viajar para Santiago e Montevidéu.

Do Brasil, o voo mais barato para Santiago sai de São Paulo no dia 25/11/17 com volta em 26/11/17 e custa R$646,31 (ver as datas). Confira todas as opções de voo para Santiago.

Com base em cotações atualizadas do Yahoo Finance a cada duas horas, a proporção entre o Peso chileno e o Real é de 1 CLP para 0,0048 BRL, já a proporção entre o Novo sol peruano e o Real é de 1 PEN para 0,9714 BRL e a proporção entre o Peso uruguaio e o Real é de 1 UYU para 0,1103 BRL. Você pode simular o valor que deseja converter com os preços das casas de câmbio clicando aqui.

Gisele Rocha

Formada em Comunicação Social pela UFJF. Andou meio mundo tentando descobrir o que queria fazer, até descobrir que queria mesmo era andar pelo mundo. Créditos da imagem de capa: ephotographythemes / Fonte: Pixabay
  • Agatha Dos Santos

    Bacanaaaaaaa…. Estou reunindo todas informações possiveis para o meu primeiro mochilão em dezembro !!!

  • Gisele Rocha

    Espero que essas planilhas sejam úteis pra vc, Agatha. Se precisar de mais alguma informação, é só chamar.

  • Florence César

    boa noite. gostaria de saber qual o mes do ano q vc fez essa viagem?

  • Gisele Rocha

    Florence, a minha viagem foi dividida em 2. A primeira parte (Uruguai, Argentina e Chile) fiz em abril/maio e a outra (Peru e Bolívia) fiz em setembro.

  • Ana Cecília Vieira

    Por qual agência você fez os passeios do Atacama?

  • Caio Fabri

    Gisele tudo bem?! Gostei muito do seu post!!! Já tirei muitas ideias e estou montando a minha viagem.. hahahah

    Qual cidade você acha melhor para ser o ponto de partida saindo de SP, estou querendo ir p/ Atacama, Bolivia e Peru

    Obrigado!!

  • Caio, minha sugestão é que vc comece pelo Peru e vá descendo até o Atacama. Veja se vale a pena comprar só a passagem de ida para o Peru e voltar pelo Chile ou se fica mais barato comprar ida e volta pelo Peru e ir conhecendo outras cidades pelo caminho na volta.

    Espero que sua viagem seja incrível! Depois volte para me contar como foi. Qualquer dúvida, estamos aí!

  • Rafael Rodrigues Fernandes

    Esse valor é por pessoa? se não for, por casal ficaria exatamente o dobro, ou tem coisas que o valor para uma ou duas pessoas é o mesmo? desde já agradeço!

  • Nathália Leite

    Gisele, adorei seu post!!! Você acha que compensa seguir mais ou menos esse teu roteiro, passando por Chile, Peru e Argentina… em época de inverno? (tou me planejando pra julho, no período de férias) Machu picchu deve ficar coberta de névoa, né? será que atrapalha a visualização? O que você me sugere? Mto obg!!!