Sugestões de destinos para a primeira viagem internacional

Você fica acompanhando sites de viagem e grupos de mochileiros por anos só esperando chegar a sua vez de colocar o pé na estrada. Junta o dinheirinho suado e, com tantos sonhos e países na cabeça, surge a dúvida. Qual o melhor destino para a primeira viagem internacional? Não existe resposta certa para essa pergunta. Mas alguns lugares farão com que você se sinta mais à vontade e servirão como um bom teste antes que você se jogue no mundo.

Por conta da proximidade territorial e da semelhança entre as línguas, um bom ponto de partida é a América do Sul. Conseguir se comunicar com facilidade é importante na primeira viagem ao exterior porque nos faz sentir mais seguros. Além disso, as passagens para os países vizinhos custam mais barato e o choque cultural é mais sutil do que quando decidimos atravessar oceanos.

Dito isso, trouxemos cinco dicas de países para quem vai sair do Brasil pela primeira vez. Independente da estação do ano ou do tipo de lugares que você curte, todos eles oferecem uma gama de atrações turísticas para ninguém botar defeito. Pouca importa a escolha, certamente será uma viagem inesquecível!

1 Chile, a terra dos extremos

Vista para as cordilheiras em Santiago, Chile

Vista para as cordilheiras em Santiago, Chile. Créditos: Roney Gonçalves

País de um dos povos mais hospitaleiros da América, o Chile recebe o mochileiro de primeira viagem com belas praias, cidades encantadoras, lagos incríveis, vulcões imponentes, desertos, geleiras, boa comida e vinho de primeira linha. Uma infinidade de opções corta o país estreito, porém comprido, de norte a sul. É possível ir ao Chile por várias vezes e não repetir o trajeto.

Quem opta por visitar as cidades mais ao sul, vai conhecer a região dos lagos e vulcões, além da patagônia. As paisagens de cidades como Pucón, Torres del Paine e Punta Arenas são dignas de filme.

Já na região central está a capital, Santiago, onde o moderno convive em plena harmonia com a arquitetura histórica do país. Além dos passeios tradicionais, contamos como conhecer a cidade e ir além do óbvio. Mostramos também quanto custa viajar para Santiago.

De Santiago ainda é possível conhecer outras duas cidades próximas e muito visitadas: Viña de Mar e Valparaíso. No norte, o Deserto do Atacama, de terras áridas, reina absoluto. Mas ainda é possível visitar boas praias do Pacífico, como Antofagasta.

Se esse é o seu destino ideal, o Viajei Bonito tem vários artigos sobre o Chile para não restar nenhuma dúvida.

2 Argentina, a queridinha dos brasileiros

Obras de artistas locais à venda na Feira do Caminito, em Buenos Aires, Argentina

Obras de artistas locais à venda na Feira do Caminito, em Buenos Aires, Argentina. Créditos: fabian.kron / Fonte: Flickr

Apesar da rixa histórica que envolve brasileiros e argentinos, somos muito queridos pelos hermanos. Assim como o Chile, a Argentina também pode ser considerada um país de extremos. Mais ao sul está Bariloche (leia mais aqui), a porta de entrada para a Patagônia de El Calafate, El Chaltén, Perito Moreno e Ushuaia. Nesses destinos é sempre inverno e é possível conhecer geleiras e passear de trenó.

A capital, Buenos Aires, é comparada por muitos à Europa por conta da infinidade de bons restaurantes, parques agradáveis e lojas elegantes. Cada bairro tem seu charme e ainda demos dicas de 25 atrações gratuitas na cidade, além de uma lista de feirinhas imperdíveis para quem gosta de antiguidades, artesanatos, roupas vintage e comidas de rua. Mais ao norte há ainda Córdoba, com ares cosmopolitas, e, na região da Cordilheira do Andes, Mendoza.

Aqui no blog há ainda outros artigos sobre a Argentina. Confira aqui.

3 Uruguai, o surpreendente

A famosa e imperdível Casa Pueblo, em Punta Ballena, no Uruguai

A famosa e imperdível Casa Pueblo, em Punta Ballena, no Uruguai. Créditos: Felipe Tocchetto / Fonte: Flickr

O Uruguai é um país pequeno, mas nem por isso deixa de reservar boas surpresas. A vantagem é poder atravessá-lo por completo em poucos dias, conhecendo cidades históricas, a capital e as belas praias. É o país com melhor qualidade de vida da América do Sul e a gastronomia também é um ponto de destaque, então não deixe de experimentar as carnes, o vinho, o alfajor, os sorvetes e o doce de leite.

Quem curte história, vai se esbanjar em Montevidéu sem gastar muito. São diversas opções de passeios gratuitos e andar pelas ruas é extremamente agradável. A poucos quilômetros da capital, uma cidadezinha encanta por parecer ter parado no tempo. Colonia del Sacramento é um vilarejo cheio de charme, às margens do Rio da Prata, sendo possível conhecê-lo através de um bate e volta de Buenos Aires ou Montevidéu.

Quando o assunto é praia, não deixe de conhecer Punta del Leste (aprenda os macetes para economizar na cidade) e Punta del Diablo (leia sobre a cidade aqui). Se sua vibe é mais tilelê, acrescente ao seu roteiro Cabo Polônio – vila sem água quente, sem luz elétrica, mas cheia de belezas naturais.

Se você está gostando do artigo até o momento, que tal curtir nossa página no Facebook?

4 Peru, a diversidade que encanta

Vista da entrada de Machu Picchu, no Peru

Vista da entrada de Machu Picchu, no Peru. Créditos: Scott Umstattd / Fonte: Unsplash

A maioria das pessoas que optam pelo Peru como destino da primeira viagem internacional normalmente está mesmo interessada em conhecer Machu Picchu. A atração é mesmo imperdível. Tanto que temos inúmeros artigos sobre o sítio arqueológico aqui no blog, que ajudam, entre outras coisas, a identificar as melhores formas de chegar até lá e até mesmo o que levar na mochila.

Mas o Peru vai muito além da terra sagrada dos Incas e oferece ao viajante uma diversidade de paisagens como as de Chanchamayo, um pedaço da selva peruana, Huacachina, na região desértica, e os picos nevados de Huaraz. A sensação é mesmo a de que nenhuma dessas cidades está no mesmo país, a não ser pela cultura rica e coesa encontrada em todo território.

Na capital, Lima, apesar do caos metropolitano, o turista se depara com uma história peculiar, muitas praças e sítios arqueológicos, além da praia com falésias gigantes. E, sim! O Peru ainda tem praias super legais. Ao sul, um dos mais conhecidos balneários é Mejía. Há ainda Paracas, com suas casinhas brancas em frente ao mar, e Punta Sal que, mesmo longe do Caribe, lembra as praias colombianas.

Agora é só arrumar as malas e separar um bocado de tempo para conseguir curtir tudo o que o Peru tem a oferecer com calma. Antes de montar o seu roteiro, leia todas as dicas que escrevemos sobre o país!

5 Colômbia, o país caliente

Festa em Cartagena, Colômbia, América do Sul

Festa em Cartagena, Colômbia, América do Sul. Créditos: Nick Harris / Fonte: Flickr

Rica e bela. Assim pode ser definida a Colômbia que, por muitos anos, foi conhecida como o país do tráfico de drogas e das guerrilhas. Do passado ficaram as histórias, muito bem representadas em monumentos e museus da capital Bogotá e no Centro Histórico das não menos importantes Medelín e Cáli. Mas é mesmo o Mar do Caribe, com praias de areia branca e águas de um azul estonteante, que mais atrai viajantes ao país – também banhado pelo oceano Atlântico. Difícil escolher a praia mais bonita. Um dos pontos mais visitados é a ilha de San Andrés, acompanhada de perto pelas Ilhas do Rosário e por Cartagena, que além das praias é uma cidade histórica cercada por uma grande muralha. Com tempo, visite ainda Santa Marta durante sua estada no país. É lá que estão os bosques do Parque Nacional Tayrona, localizado aos pés da maior cadeia de montanhas costeiras do mundo.

Esquecida pelos brasileiros no passado, a Colômbia hoje é um dos destinos mais procurados por nós, o que faz com que as passagens sejam cada vez mais em conta. Ou seja, motivo é o que não falta para dar um pulinho lá.

Dicas para facilitar a escolha

Se ainda assim estiver difícil optar, comece a pesquisar o preço das passagens, seguro viagem, traslados e hospedagens. O custo final faz toda a diferença na hora de começar um mochilão. Com os valores em mãos, é praticamente o universo quem vai escolher para você. Afinal, como reza a lenda viajante, não somos nós que escolhemos um destino, é o destino quem nos escolhe.

Prepare-se para sua viagem

Vai alugar um carro? Na Rentcars você compara preços em diversas locadoras no mundo todo com muita segurança, sem taxas no cartão de crédito, 5% de desconto no boleto, parcelamento em até 12 vezes e isenção de IOF.

Veja o motivo pelo qual recomendamos o seguro viagem para quem viaja pela América do Sul. Você pode fazer sua cotação clicando aqui e utilizando o cupom de desconto VIAJEIBONITO5. Aprenda a contratar um seguro viagem e conheça também o seguro viagem que vale por um ano inteiro.

Com base em cotações atualizadas do Yahoo Finance a cada duas horas, a proporção entre o Peso argentino e o Real é de 1 ARS para 0,2064 BRL, já a proporção entre o Peso chileno e o Real é de 1 CLP para 0,0050 BRL e a proporção entre o Novo sol peruano e o Real é de 1 PEN para 1,0279 BRL. Você pode simular o valor que deseja converter com os preços das casas de câmbio clicando aqui.

Viajei Bonito

Somos duas pessoas apaixonadas por movimento. Para nós, cair na estrada é mais importante do que um projeto futuro de estabilidade e quaisquer oportunidades de novas viagens, por mais remotas e loucas que pareçam ser, a gente tá pegando! Créditos da imagem de capa: Nick Harris / Fonte: Flickr
  • Vickawaii

    ÓTIMAS indicações! A gente sempre sonha em ir pra Europa ou pros EUA, mas tem tanto país fantástico bem aqui pertinho! Fui pro Uruguai no início do ano mais pela oportunidade mesmo (pacote 600 reais com transporte + 3 diárias/4 noites em hotel huiahiua) e voltei apaixonada pelo país, encantada com os pontos turísticos e com o povo de lá. Foi uma viagem muito significativa MESMO, voltei muuuuuuito empolgada! Agora em junho vou conhecer pela primeira vez Buenos Aires e já estou muito empolgada. Meu sonho é conhecer Machu Picchu e acho que vai ser o próximo destino <3

  • Nossos vizinhos tem tantos lugares lindos, né?? É difícil fazer essa decisão. Iria pra todos novamente!
    A proximidade física e de idioma com certeza ajuda muito na primeira experiência.

  • Marcia Moghetti Picorallo

    Muita gente faz suas primeiras viagens internacionais pela América do Sul pela proximidade cultural (costumes, língua mais inteligível), eu acho, e talvez porque ache ser mais barato (o que nem sempre é verdade). Eu achei boas suas sugestões, mas na minha opinião a primeira tem que ser para o seu lugar dos sonhos! Como você disse, é o destino que nos escolhe!

  • Adorei as sugestões. Buenos Aires foi minha primeira viagem solo internacional decadas atrás e continuo adorando a cidade!

  • Joolices

    Nossa como me arrependo de nunca ter viajado para nossos vizinhos. Mas minha primeira viagem foi para um lugar que sonhava conhecer, então tá valendo também.

    Att,
    Joolices
    http://www.joolices.com.br

  • bahhh nem vou dizer que o meu favorito da lista ai é o PERU! maaas agora tb estou apaixonada pela Colombia e não tá facil todas aquelas praias e cores!!

  • Adorei as dicas, mas é realmente difícil – para não dizer impossível – definir um primeiro destino internacional ideal. Para mim sempre foram/foi os Estados Unidos, mas também acho uma boa ideia para que quem não tem nenhuma preferência, começar pela América Latina!

  • Não podia concordar mais!! <3 Meu primeiro destino foi o Canadá, mas pelo trabalho. Apesar de ter sido maravilhoso, tem todo o trampo com visto, temperaturas extremas.. Os que você citou são mesmo incríveis e fáceis pra uma primeira viagem.

  • Deisy Rodrigues

    A America do Sul têm destinos incríveis, tanto pra primeira viagem internacional como para uma segunda ou terceira e por aí vai.

  • Gisele Rocha

    Concordo plenamente, @@Deisy Rodrigues:disqus!

  • Gisele Rocha

    Uau!!! 600 reais é um preço imbatível! Mandou bem!

  • Gisele Rocha

    Os nossos vizinhos e a gnt tbm, né?

  • Gisele Rocha

    Com certeza, Marcia. Se a pessoa tem um destino dos sonhos, é muito válido começar por ele; Do contrário, se não houver uma predileção, escolher um lugar com idioma parecido e costumes semelhantes facilita bastante.

  • Gisele Rocha

    Foi a minha também!!

  • Gisele Rocha

    Não sei qual é o meu favorito, mas acho que é o Peru tbm. Só perde pro HueBR!

  • Gisele Rocha

    É sempre tempo de conhecer lugares novos, Joo. Se ainda num foi, uma hora vc se organiza e desbrava tudo de uma vez.

  • Gisele Rocha

    Eu não fazia questão nenhuma de conhecer os Estados Unidos, até botar os meus pés pela primeira vez em Nova York. 6 meses depois eu me mudei pra Flórida, de mala e cuia, pra explorar todos os cantos. Agora eu aprendi que a gente nunca deve desdenhar de destino nenhum. Hahah