Cracóvia é a segunda maior, e uma das mais antigas cidades da Polônia. Situada no sul do país, já foi capital, invadida diversas vezes e esteve sobre o controle rígido dos Nazistas, sobrevivendo milagrosamente a guerras e regimes para se tornar um tesouro cultural da Europa.

Para o turismo, a cidade é muito agradável para caminhar explorando as charmosas ruas, parques e inúmeros museus. Além disso, o custo da viagem também atrai turistas e mochileiros em todas as épocas do ano, fazendo a Cracóvia uma ótima opção para os brasileiros que querem escapar da alta do dólar.

Para ler em seguida

Onde se hospedar na Cracóvia

Na Cracóvia, sugerimos que você conheça o Hostel Submarine. Temos também um guia completo com os melhores party hostels da Europa.

O que fazer na Cracóvia?

1 Praça Principal (Rynek Główny)

No centro da cidade velha, com aproximadamente 200 metros quadrados, a praça Rynek é considerada uma das maiores praças medievais da Europa. Cercada por elegantes edificações, Rynek historicamente é palco de celebrações públicas.

No meio da praça, a Basílica de Santa Maria dá um charme a mais para o ambiente, com duas torres de diferentes tamanhos.

Abaixo do nível do solo, também existe uma rota aberta à visitação, que era usada para comércio na era medieval, chamada Rynek Underground Museum.

2 Castelo de Wawel

Datado do século XVI, o centro da vida cultural e política da Polônia foi saqueado e vandalizado por vários exércitos. Depois que a cidade foi devolvida à Polônia após a Primeira Guerra Mundial, o castelo foi restaurado e atualmente se tornou um museu, onde você pode ver com os próprios olhos a riqueza da monarquia polonesa.

Continua após a publicidade

3 Mina de Sal Wieliczka

Wieliczka é uma profunda mina de sal localizada a aproximadamente 14km da Cracóvia. Um labirinto de túneis distribuídos em nove níveis com diversas câmaras, contém esculturas que foram esculpidas à mão em maciços blocos de sal.

A mina é conhecida pela suas propriedades medicinais, por isso foi instalado um santuário onde alergias crônicas são curadas.

Além disso, a mina ainda abriga uma capela também totalmente constituída de sal, que demorou cerca de 30 anos para ser concluída.

4 Fábrica de Schindler

Esse incrível museu interativo retrata a ocupação Nazista na Cracóvia no período da Segunda Guerra Mundial. Se situa na antiga fábrica do Oskar Schindler, um empresário nazista que salvou a vida de muitos judeus durante o Holocausto.

5 Museu da Farmácia

Um dos maiores e melhores museus de farmácia da Europa, com uma coleção de mais de 22.000 peças, desde antigos equipamentos de laboratório, instrumentos farmacêuticos raros, artigos de vidro, livros médicos e documentos.

6 Distrito Judeu (Kazimierz)

Por muitos séculos, Kazimierz foi um local de coexistência entre judeus e cristãos até o eclodir da Segunda Guerra Mundial. Na época, os judeus foram alocados em guetos na parte norte do distrito até serem mandados para campos de concentração.

O bairro em si já é um museu a céu aberto muito conservado. Para quem passeia pela região, a diferença entre o distrito e o resto da Cracóvia é bem marcante, parece até outra cidade. A região conta com muito cafés, restaurantes, bares, museus, igrejas, sinagogas e lojas que preservam a herança judaica do local.

7 Free Walking Tours

Para quem não conhece, os free walking tours são tours gratuitos nos quais você só paga após o passeio, o quanto achar que o guia merece. Geralmente todos os turistas pagam alguma quantia, pois tudo é muito organizado e interessante.

Costumo fazer todos os free walking tours disponíveis. Fiz o “Tour Judeu”, que passa por Kazimierz mostrando a rica cultura judaica, como também o “Cracóvia Macabra”, onde o guia explora serial killers, mitos e lendas urbanas desde a era medieval.

E pra quem vai ficar pouco tempo na cidade, o tour da “Cidade Velha” também é uma ótima opção, pois cobre a área central bem rapidinho.

Confira aqui as datas e horários disponíveis de todos os tours aqui.

Prepare-se para sua viagem

Em Cracóvia, nossa sugestão de hospedagem é o Hostel Submarine. Aprenda a reservar um hotel pela internet aqui. Você pode procurar outros hotéis através do Booking, casas e quartos no Airbnb ou então se sua preferência é por albergues, acesse o Hostelworld.

Quer economizar em sua viagem? Conheça então os cupons de desconto oferecidos pelo Viajei Bonito.

Os países europeus exigem que os viajantes tenham contratado seguro viagem, geralmente com valores mínimos estabelecidos para garantir assistência médica em acidentes ou doenças. Leia também o que escrevemos sobre seguro viagem para a Europa. Você pode fazer sua cotação clicando aqui e utilizando o cupom de desconto VIAJEIBONITO5. Aprenda a contratar um seguro viagem e conheça também o seguro viagem que vale por um ano inteiroE se liga que tá rolando promoção! Até o dia 21/11/19 você pode usar o cupom BLACK para garantir 15% de desconto em sua apólice! Aproveite esse descontão porque ele é por tempo limitado! Como alternativa, nós sugerimos que você também faça uma cotação na Real Seguro Viagem.

Viajar pela Europa de trem é uma experiência que serve bem a qualquer tipo de viajante, é fácil e em muitos casos mais barato até mesmo que os voos low cost. Você pode pesquisar preços para uma infinidade de destinos na Omio. Aprenda aqui a comprar passagens de trem na Europa pela internet.

Vai alugar um carro? O preço do aluguel de veículos na categoria Mini em Cracóvia é de aproximadamente R$95,00 por diária (confira mais preços aqui). Na Rentcars você compara preços em diversas locadoras no mundo todo com muita segurança, sem taxas no cartão de crédito, 5% de desconto no boleto, parcelamento em até 12 vezes e isenção de IOF. Tem cupom de desconto rolando! Até o dia 30/11/2019 você garante 5% de desconto ao utilizar o cupom ESQUENTA5OFF (confira as condições aqui). Veja como é simples fazer sua cotação e reservar um carro pela internet.

testamos o chip internacional da Easysim4u e aprovamos tanto o serviço quanto a qualidade da internet no exterior. Clique aqui para ver todas as opções de coberturas disponíveis nos EUA e em mais de 210 países! Ainda, utilize o cupom VIAJEIBONITO10 para garantir 10% de desconto em seu pedido! Recomendamos que você dê uma olhada nos planos Dados Mundi e 4G Europa que saem a partir de R$216,68 e R$229,19 respectivamente. O Viajei Bonito indica também como alternativa o chip da Yes Brasil.

A GetYourGuide oferece passeios, tours, visitas a atrações turísticas e guias para vários destinos no mundo! Descubra o que ela tem a oferecer para Cracóvia. Você pode conferir também o nosso passo-a-passo sobre como reservar tours e guias pela internet.

Descubra quando viajar para Cracóvia, ou então pesquise por preços de passagens aéreas para destinos nacionais e internacionais na plataforma da Kayak. Aprenda a criar um alerta de passagens aéreas em promoção.

Se você teve algum voo cancelado, atrasado, perda de conexão, overbooking, extravio de bagagem ou outros tipos de imprevisto com companhias aéreas, faça aqui uma consulta e descubra se você tem direito a indenizações. A Resolvvi cuida de toda a burocracia e você recebe o valor sem sair de casa, além de pagar apenas se ganhar.

TransferWise é o serviço de transferência de moedas para dentro e para fora do Brasil que utilizamos sempre que precisamos efetuar ou receber pagamentos internacionais. De todos no mercado, ele é o que garante até o momento a taxa de câmbio mais próxima da conversão atual.

Receba um desconto em sua primeira viagem com a Uber ao utilizar o cupom adrianoc135ue durante o cadastro pelo aplicativo ou então através deste link.

Em Cracóvia, o almoço simples sai por volta de R$26,21, já o fast-food sairá por mais ou menos R$20,97. Considerando o cappuccino, podemos dizer que o cafezinho da tarde custa R$8,98. Em restaurantes, a garrafa d'água de 330ml custa R$4,02, o refrigerante - considerando também o de 330ml - custa R$4,82 e o pint de cerveja R$9,44. Descubra quanto custa viajar para Cracóvia.

Bianca Ruback

Graduanda em Engenharia Civil, cinéfila, apaixonada por aprender idiomas e guarda uma bucketlist que contém o mundo inteiro.

Ver mais artigos de Bianca Ruback

Créditos da imagem de capa: Pawel Pacholec / Foto: Flickr

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *