Os mesmos souvenirs vendidos a preços impraticáveis nos aeroportos são vendidos a preço de banana nas feirinhas