O fotógrafo polonês Michal Huniewicz fez uma viagem oficial à Coréia do Norte, um destino que aguça a curiosidade de muitos, mas que poucos têm coragem de visitar. Isso porque o país vive sob a ditadura de Kim Jong-um, um líder autoritário que filtra todas as informações que circulam pelo país e as que saem dele também.

Para não prejudicar a imagem do soberano, já nos portos e aeroportos notebooks, smarphones, Kindles e outros dispositivos eletrônicos são meticulosamente vasculhados para se ter certeza de que os turistas não carregam consigo nenhum documento que fale sobre o país, muito menos uma cópia do filme A Entrevista: uma comédia satírica que envolve Kim Jong-un.

Michel não se conteve em apenas observar e guardar na memória os dias que passou em Pyongyang. Audacioso, ele fotografou o cotidiano dos norte-coreanos ainda que isso fosse proibido. Ele afirma que todos os turistas são vigiados durante todo o tempo e que não poderiam se separar do guia turístico sob hipótese alguma, frisando que não havia liberdade ou privacidade. Até o sono era regulado, com hora para dormir e acordar.

Para se ter uma ideia, o quinto andar do hotel onde o fotógrafo estava hospedado era inacessível através do elevador. Para ir até lá, era necessário subir as escadas. Uma vez que a porta está sempre trancada, os hóspedes começaram a especular sobre o local ser destinado a monitorar os turistas. A verdadeira finalidade do cômodo, dificilmente alguém irá saber (e revelar).

Ainda assim o cara se atreveu a fotografar tudo, mesmo tendo sido alertado pelo guia de que se fosse pego, o turista poderia acabar preso ou até coisa pior.

O próprio fotógrafo afirmou em entrevista a um veículo francês que possui muitas outras fotos, todavia, permanecerão guardadas até um momento mais oportuno. O que será que ele pretende fazer com as outras fotos?

Enquanto isso, verifique algumas das imagens que ele já publicou em seu site.

Militares se espalham pelos quatro cantos da capital Pyongyang

Militares se espalham pelos quatro cantos da capital Pyongyang. Créditos: Michal Huniewicz

Mulheres trabalhando sob a vigia de um soldado

Mulheres trabalhando sob a vigia de um soldado. Créditos: Michal Huniewicz

Todo cuidado era pouco para não ser preso.

Todo cuidado era pouco para não ser preso. Créditos: Michal Huniewicz

Alguns prédios residenciais não receberam nem uma camada de tinta

Alguns prédios residenciais não receberam nem uma camada de tinta. Créditos: Michal Huniewicz

Tirar fotos em determinados lugares públicos é terminantemente proibido

Tirar fotos em determinados lugares públicos é terminantemente proibido. Créditos: Michal Huniewicz

Dia a dai das mulheres na Coreia do Norte

Dia a dai das mulheres na Coreia do Norte. Créditos: Michal Huniewicz

Os cidadãos da Coreia do Norte só podem viajar pelo país depois de receberem um documento autorizando o passeio

Os cidadãos da Coreia do Norte só podem viajar pelo país depois de receberem um documento autorizando o passeio. Créditos: Michal Huniewicz

Torres de vigia são colocadas até na área rural, para garantir que ninguém esteja fazendo algo ilícito

Torres de vigia são colocadas até na área rural, para garantir que ninguém esteja fazendo algo ilícito. Créditos: Michal Huniewicz

Audacioso, Michal Huniewicz fotografou alguns soldados norte-coreanos

Audacioso, Michal Huniewicz fotografou alguns soldados norte-coreanos. Créditos: Michal Huniewicz

Excrementos humanos são utilizados como fertilizantes na Coreia do Norte

Excrementos humanos são utilizados como fertilizantes na Coreia do Norte. Créditos: Michal Huniewicz

É necessário preencher uma infinidades de documentos para conseguir entrar na Coreia do Norte. Neste formulário, conta que a pornografia é totalmente vetada no país

É necessário preencher uma infinidades de documentos para conseguir entrar na Coreia do Norte. Neste formulário, conta que a pornografia é totalmente vetada no país. Créditos: Michal Huniewicz

Continua após a publicidade

Não havia o número 5 no elevador e os motivos são sinistros. Especula-se ser o centro de vigilância do hotel, o espaço que monitora os visitantes para saber se eles não estão fazendo nada fora da lei.

Não havia o número 5 no elevador e os motivos são sinistros. Especula-se ser o centro de vigilância do hotel, o espaço que monitora os visitantes para saber se eles não estão fazendo nada fora da lei. Créditos: Michal Huniewicz

Comprar livros falando bem do líder supremo, do seu governo e da Coreia do Norte como um todo é permitido

Comprar livros falando bem do líder supremo, do seu governo e da Coreia do Norte como um todo é permitido. Créditos: Michal Huniewicz

As mulheres são tão parecidas que parecem ter sido multiplicadas em algum programa de edição de imagens. E olha o tamanho da vassoura

As mulheres são tão parecidas que parecem ter sido multiplicadas em algum programa de edição de imagens. E olha o tamanho da vassoura. Créditos: Michal Huniewicz

Pyongyang é uma cidade extremamente limpa, não há lixo no chão

Pyongyang é uma cidade extremamente limpa, não há lixo no chão. Créditos: Michal Huniewicz

Quase não há carros nas ruas. Créditos: Michal Huniewicz

Quase não há carros nas ruas. Créditos: Michal Huniewicz

Bicicletas e veículos de tração animal são utilizados por cidadãos comuns. Carros são raramente encontrados

Bicicletas e veículos de tração animal são utilizados por cidadãos comuns. Carros são raramente encontrados. Créditos: Michal Huniewicz

Estátuas de Kim Jong-un e de seu pai, Kim Jong-Il. Ambos são reverenciados por alguns moradores

Estátuas de Kim Jong-un e de seu pai, Kim Jong-Il. Ambos são reverenciados pelos moradores. Créditos: Michal Huniewicz

Michal só poderia tirar fotos dessa praça se as duas estátuas estivessem enquadradas e de corpo inteiro, mas mais uma vez ele transgrediu às regras. Elas foram deletadas quando ele estava saindo do país, mas recuperadas depois

Michal só poderia tirar fotos dessa praça se as duas estátuas estivessem enquadradas e de corpo inteiro, mas mais uma vez ele transgrediu às regras. Elas foram deletadas quando ele estava saindo do país, mas recuperadas depois. Créditos: Michal Huniewicz

Entre tantos lugares proibidos, existe um que eles fazem questão que os turistas fotografem, como a praça Kim Il-Sung

Entre tantos lugares proibidos, existe um que eles fazem questão que os turistas fotografem, como a praça Kim Il-Sung. Créditos: Michal Huniewicz

A vista da cidade a partir do hotel onde Michal estava hospedado

A vista da cidade a partir do hotel onde Michal estava hospedado. Créditos: Michal Huniewicz

Propagandas políticas por todas as partes

Propagandas políticas por todas as partes. Créditos: Michal Huniewicz

Veja como é gritante a diferença entre a Coreia do Norte (à esquerda) e a China (à direita)

Veja como é gritante a diferença entre a Coreia do Norte (à esquerda) e a China (à direita). Créditos: Michal Huniewicz

Essas fotos de Michal Huniewicz são bem diferentes daquelas vendidas pelas agências de notícias norte-coreanas, autorizadas pelo governo do país, não é verdade?

Você teria coragem de fazer o que este homem fez? O que achou das fotos dele?

Prepare-se para sua viagem

Quer economizar em sua viagem? Conheça então os cupons de desconto oferecidos pelo Viajei Bonito.

Comidas exóticas, fenômenos climáticos e furtos: veja alguns dos motivos pelos quais recomendamos o seguro viagem para os países da Ásia. Você pode fazer sua cotação clicando aqui e utilizando o cupom de desconto VIAJEIBONITO5. Aprenda a contratar um seguro viagem e conheça também o seguro viagem que vale por um ano inteiro. Como alternativa, nós sugerimos que você também faça uma cotação na Real Seguro Viagem.

testamos o chip internacional da Easysim4u e aprovamos tanto o serviço quanto a qualidade da internet no exterior. Clique aqui para ver todas as opções de coberturas disponíveis nos EUA e em mais de 210 países! Ainda, utilize o cupom VIAJEIBONITO10 para garantir 10% de desconto em seu pedido! O Viajei Bonito indica também como alternativa o chip da Yes Brasil.

Pesquise por preços de passagens aéreas para destinos nacionais e internacionais na plataforma da Kayak.

Se você teve algum voo cancelado, atrasado, perda de conexão, overbooking, extravio de bagagem ou outros tipos de imprevisto com companhias aéreas, faça aqui uma consulta e descubra se você tem direito a indenizações. A Resolvvi cuida de toda a burocracia e você recebe o valor sem sair de casa, além de pagar apenas se ganhar.

Receba um desconto em sua primeira viagem com a Uber ao utilizar o cupom adrianoc135ue durante o cadastro pelo aplicativo ou então através deste link.

Gisele Rocha

Formada em Comunicação Social pela UFJF. Andou meio mundo tentando descobrir o que queria fazer, até descobrir que queria mesmo era andar pelo mundo.

Ver mais artigos de Gisele Rocha

Créditos da imagem de capa: Michal Huniewicz

7 comentários em “Turista vaza fotos proibidas da Coreia do Norte”

  1. Que post sensacional! Adorei ver essas fotos. Desde que um amigo uma vez comentou comigo que tinha vontade de conhecer a Coréia do Norte, acabei ficando curiosa pra saber mais a respeito – não sei se teria coragem de ir (muito menos de tirar fotos proibidas!), mas que é interessante, é!

    1. Acho que eu iria um dia, mas está no último lugar da minha fila de interesses. Hehehehe… o fotógrafo foi muito corajoso, eu não me arriscaria tanto.

    1. Por ser uma sala secreta onde especula-se ser o centro de vigilância do hotel, o espaço que monitora os visitantes para saber se eles não estão fazendo nada fora da lei. Está na legenda da foto. 🙂

  2. Amei!!! Coragem demais do Michal de fazer isto. Por enquanto, não tenho coragem nem de ir a Coreia do Norte!! risos.
    Parabéns pelos posts! Estão curiosos, interessantes e com dicas ótimas! Um beijo pra vcs!

    1. O fotógrafo foi muito astuto mesmo, tanto para tirar as fotos escondidos quanto para conseguir passar pela fiscalização ao deixar o país. Pelo que estava lendo em uma entrevista, parece que ele apagou e recuperou depois.
      Obrigada pelo comentário, Thaisy. Nos serve como grande incentivo.
      Beijos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *