O que comer e beber na Bratislava

Me lembro de chegar à Bratislava com uma necessidade enorme de bacon e cerveja. Foram quarenta e cinco dias de abstinência no Marrocos, então você pode imaginar o estado em que eu estava. Pesquisei no Google “comer e beber na Bratislava”. Encontrei várias páginas que listavam restaurantes, mas pouco se falava da comida. Resolvi então dar uma contribuição à internet e aqui vai este miniguia sobre o que comer e beber na Bratislava, feito por alguém que entende nada de gastronomia, mas que tem boa vontade.

A Bratislava tem uma característica muito interessante no que tange à gastronomia: é possível comer e beber muito bem gastando muito ou muito pouco. Há várias opções seja qual for a sua situação financeira. Se você quiser gastar um pouco mais pra frequentar restaurantes temáticos e com decorações muito caprichadas é possível, mas se você for daqueles que valoriza cada euro e tem um orçamento bem restrito vai sair satisfeito em troco de apenas alguns poucos euros.

Continua após a publicidade

Já começo dando uma dica pra galera do Ciência sem Fronteiras e estudantes em geral: procurem saber quais são os restaurantes e pubs que disponibilizam cardápios com opções específicas para quem possui uma carteirinha de estudante.

Os pratos mais caros

Confesso a você que não provei um prato fino na Bratislava. Eu precisava decidir entre experimentar os vários tipos de bebidas disponíveis ou então comer algo muito específico.

Mas de qualquer forma, o interessante é que pelo levantamento que fiz enquanto caminhava pelas ruas, é que até mesmo os restaurantes mais caros são baratos em relação ao Brasil. O preço dos pratos regados a carnes e churrascos varia entre 10 e 15 euros. Lembre-se sempre de converter para reais se você ainda mora no Brasil, pois esses números pequenos em euro são traiçoeiros.

Brochette com carne de porco, pimentão, cebola, batata frita, alface e tomate, na Bratislava, Eslováquia
Brochette com carne de porco, pimentão, cebola, batata frita, alface e tomate, na Bratislava, Eslováquia. Créditos: morrissey / Fonte: Flickr

Os pratos típicos

Vou tentar descrever com minhas próprias palavras as impressões que tive sobre a comida típica eslovaca.

Um dos pratos que identifiquei em vários restaurantes e que acredito ser uma das especialidades do país é composto de uma massa muito parecida com a de nhoque, queijo de ovelha e pedacinhos de bacon. É muito bom e o custo-benefício é excelente. Geralmente ele vem servido em uma grande tigela e duas pessoas comem tranquilamente juntas caso não estejam famintas e só queiram experimentar.

Prato tradicional da Bratislava, Eslováquia, que leva queijo de ovelha, bacon e nhoque
Prato tradicional da Bratislava, Eslováquia, que leva queijo de ovelha, bacon e nhoque. Créditos: young shanahan / Fonte: Flickr

Outra especialidade dos restaurantes na Bratislava é a sopa de alho. O nome pode soar um pouco enjoativo, mas é uma das opções mais servidas e é comum ver os garçons correndo pra lá e pra cá com várias delas. O que mais chama atenção nesse prato é que a sopa não vem em uma tigela, mas dentro de um pão. E ela funciona como uma casquinha de sorvete: você vai tomando a sopa e comendo o “recipiente”.

Prato tradicional da Bratislava, Eslováquia, que leva queijo de ovelha, bacon e nhoque
Prato tradicional da Bratislava, Eslováquia, que leva queijo de ovelha, bacon e nhoque. Créditos: young shanahan / Fonte: Flickr

Aqui vai uma dica: se você estiver hospedado no mesmo albergue em que estive, (Patio Hostel), peça na recepção um cupom de desconto no Slovak Pub. Eles servem a melhor sopa de alho das redondezas. Leia também nosso artigo com os melhores hotéis e albergues na Bratislava!

Bistrôs

É comum você relacionar bistrô a barzinhos simples e aconchegantes. Na Bratislava existe uma rede de bistrôs que não é nada disso. Pra falar a verdade os bistrôs dessa rede são fast-foods de pratos de almoço e os que eu frequentava eram todos administrados por estrangeiros, principalmente da Ásia.

Pode parecer furada, mas é uma opção excelente pra quem não quer gastar mais do que três euros e comer muito bem. Os pratos são muito caprichados e geralmente vêm com arroz, frango, vários legumes e verduras. Se tivesse um feijãozinho e angu eu me sentiria em casa. De qualquer forma, há algo em torno de trinta opções de prato, que levam frango-xadrez, peixes etc.

Mas fique ligado no preço dos refrigerantes e pergunte sempre antes de colocá-los em sua bandeja. Já vi garrafa de Coca-Cola custando três euros em fast-foods na Bratislava. É como se compensassem os baixos preços nas bebidas.

Cervejas e bebidas alcoólicas

Chega de falar de comida, vamos falar de birita.

A Bratislava é um excelente destino pra quem curte experimentar vários tipos de cerveja, drinks e outras bebidas exóticas.

A Zlatý Bažant, por exemplo, é uma cerveja eslovaca que hoje é propriedade do grupo Heineken International. Era sempre a minha primeira caneca ao chegar a qualquer bar, pois é muito barata e muito saborosa: em média um euro e meio pra uma caneca de meio litro.

Zlatý Bažant, cerveja eslovaca
Zlatý Bažant, cerveja eslovaca. Créditos: Guillaume Speurt / Fonte: Flickr

Nos pubs é possível pedir o famoso Absinto. Quem não se lembra do filme Eurotrip?

Um pequeno caso agora… lá vou eu rodar os pubs de Bratislava com um turco e um eslovaco. No meio da noite me cai a ficha: Eu estou num lugar onde o Absinto de verdade é legalizado! Não podia sair de lá sem experimentar, então pedi uma dose à garçonete.

Ele é servido num copo, na dosagem de uma dose de uísque padrão a qual estamos acostumados, porém, vem com um sachê de açúcar, uma colher e um isqueiro. Nessa hora eu fiquei perdido… não sabia se bebia o isqueiro ou se comia o açúcar. Óbvio que não, mas eu realmente não sabia o que fazer com tudo aquilo. MacGyver construiria um carro movido a Absinto e não voltaria a pé pra casa, mas como não sou tão safo assim continuei olhando com cara de perdido pra aquele kit que me foi servido. Sorte que um dos meus companheiros na mesa era eslovaco e preparou o shot: primeiro você enche a colher de Absinto, abre o sachê e joga o açúcar por cima. Não se preocupe se o excesso de açúcar começar a cair no copo. Quando o sachê termina, você terá uma colher cheia de açúcar banhado a Absinto. Então você acende o fogo com o isqueiro, coloca na colher e a mergulha no copo, que começará a pegar fogo enquanto você mistura. Aguarde uns dez segundos, assopre até apagar o fogo e beba tudo de uma vez.

Nesse momento eu imaginei que teria a mesma queimação de uma cachaça, mas não… o Absinto desce suave e é muito saboroso. O efeito também é muito saboroso. Alguns minutos depois eu já estava rindo de muita coisa sem graça, e o turco ria de mim. Ou seja, o efeito é wireless. De qualquer forma, não tente isso em casa, a não ser que você conheça algum eslovaco perito em shots de Absinto.

Shot de Absinto na Bratislava, Eslováquia
Shot de Absinto na Bratislava, Eslováquia. Créditos: termie / Fonte: Flickr

Um pouco de história… o absinto já foi proibido em vários países, inclusive no Brasil, por suspeitas de que havia substâncias alucinógenas em sua composição. Tanto é que existe a lenda da fada verde, que aparece pra você depois de várias doses da bebida. De qualquer forma, ele foi legalizado em várias partes do mundo, mas em compensação, com o nível de álcool reduzido. Na Eslováquia, entretanto, é possível encontrar garrafas de Absinto com 70% de teor alcoólico em supermercados.

Bar que serve a Zlatý Bažant, cerveja da Eslováquia
Bar que serve a Zlatý Bažant, cerveja da Eslováquia. Créditos: The Sly Gentleman / Fonte: Flickr

Falando em mercado, a festa acontece mesmo quando você vai a algum pra comprar cerveja. Nos supermercados da rede Tesco, é possível encontrar várias latas que custam entre 0,50 a 2 euros. São cervejas de vários países, inclusive Alemanha e Holanda, a preço de banana. Bom, falo da banana brasileira, porque banana na Eslováquia é cara. Mas como eu já não estou mais descrevendo as comidas deixe-me voltar ao assunto.

Refrigerantes

São iguais a todo o resto do mundo, mas tome cuidado com os preços, pois geralmente são caros. Já houve almoços onde eu optei por uma caneca de chopp no lugar de um suco ou refrigerante, pois estes custavam o mesmo que um prato.

Faça bom proveito, e aprecie com moderação

Foi muito difícil encontrar guias gastronômicos eslovacos na internet, pelo menos em português e espero que este resumo lhe sirva bem caso você esteja pensando em viajar à Bratislava. Infelizmente não sou um bom explorador de restaurantes, mas escrevi o pouco que aprendi por lá.

Se você já visitou a capital eslovaca e se empanturrou de comida por lá, não deixe de escrever suas experiências nos comentários abaixo.

Nos vemos em um próximo artigo.

Leia mais sobre a Bratislava

O que comer e beber na Bratislava

Prepare-se para viajar

Ícone seguro viagem

Use o cupom CRIANCA para adquirir o seguro viagem com até 20% de desconto, pagando via PIX ou boleto bancário. Além da cobertura médico-hospitalar, você também estará protegido em casos de cancelamento de viagem, extravio ou danos à bagagem.

Ícone hotel

Reserve hospedagem com antecedência através do Booking e Hostelworld para garantir preços promocionais. Parcelamento sem juros no cartão de crédito e possibilidade de cancelamento reembolsável.

Garanta internet em mais de 210 países utilizando o chip da Easysim4u, que nós já testamos na Europa e do norte ao extremo sul das Américas. Use o cupom SPRING e garanta 50% de desconto.

Compre passagens aéreas com até 35% de desconto usando o comparador de preços ou utilize a ferramenta quando viajar, um calendário que mostra as tarifas mais baixas para o destino que você escolher.

Tenha liberdade para ir aonde quiser alugando um carro através da Rentcars, que atua em parceria com locadoras renomadas do mundo todo. Parcele sem IOF em até 12x ou cancele sem custos.

Pague menos comprando suas passagens de ônibus com a ClickBus, a empresa líder em vendas online de passagens rodoviárias, trabalhando em parceria com mais de 140 empresas em mais de 4 mil destinos!

Faça passeios guiados em qualquer lugar do mundo e fure a fila comprando ingressos com antecedência através da GetYourGuide. Cancele sua reserva até 24 horas antes do início de sua atividade e obtenha reembolso integral.

Adriano Castro

Formado em Ciência da Computação pela UFJF, trabalhou durante 10 anos como analista de sistemas até chutar o balde e tocar a vida como freelancer, carregando seus projetos para onde quer que vá.

3 pensou em “O que comer e beber na Bratislava

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para o topo