Charmosas casas cobertas por símbolos e enigmas, ruas calçadas com pedras irregulares e no horizontes, montanhas que se encontram com o mar verde esmeralda. Neste texto trazemos dicas para você não errar na hora de escolher onde ficar em Paraty, cidade de 40 mil habitantes que compõe o Caminho Velho da Estrada Real.

Durante o século 17, Paraty foi o principal porto para escoamento do ouro que era extraído em Minas Gerais e levado a Portugal. Como a maior parte da carga era trazida por veículos de tração animal, a cidade foi projetada de forma que as águas das marés altas invadissem momentaneamente as ruas e “varressem” as fezes e toda a sujeira deixada por ali.

As ruas serviam como canais que escoavam a água e graças a isso Paraty foi apelidada de “Veneza brasileira”. Ainda hoje é possível observar esse fenômeno, principalmente nos dias de lua cheia ou nova e entre os meses de junho e agosto. 

Se por um lado a maré alta traz uma atmosfera ainda mais romântica à cidade, por outro ela pode dificultar a vida de quem se hospeda nas ruas inundadas. Tenha isso em mente ao escolher onde se hospedar em Paraty. Nós podemos ajudá-lo!

Para ler em seguida

Onde se hospedar em Paraty: prós e contras do Centro Histórico

Onde se hospedar em Paraty, Rio de Janeiro
Onde se hospedar em Paraty, Rio de Janeiro. Créditos: Gisele Rocha

O Centro Histórico é inquestionavelmente a parte mais bonita de Paraty, tanto que seu rico conjunto arquitetônico é tombado pelo Patrimônio Histórico Nacional e agora como Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco. Quem se hospeda aqui fica a poucos passos dos principais pontos turísticos, do porto de onde saem os passeios de barco, bem como dos melhores bares e restaurantes da cidade colonial. Esses são os pontos positivos.

Em contrapartida, a parte histórica é fechada para a circulação de automóveis. Quem chega de carro precisa encontrar um estacionamento e fazer o restante do percurso a pé. Para quem viaja com pouca bagagem, isso não é um grande problema, mas para quem viaja em família, com crianças pequenas e idosos, as coisas não são tão fáceis.

O ponto mais crítico de ficar hospedado no Centro Histórico de Paraty são as mudanças das marés. Estive lá em julho de 2019, tempo de maré cheia e ruas inundadas.

Acabei presenciando cenas impressionantes, como pessoa correndo para tirar seus carros da Rua Fresca e uma camareira escorando novos hóspedes que estavam com medo de escorregar a caminho do hotel. Minha colega ficou presa em sua casa do Airbnb porque havia água até na porta. Dá para imaginar?!

⚠️ ATENÇÃO!
O fenômeno da maré cheia não acontece durante os 365 dias do ano, ele se intensifica durante os dias de lua cheia e nova e entre os meses de junho e agosto.

Nada o impede de visitar o Centro Histórico com ruas inundadas, pelo contrário, o cenário fica ainda mais encantador. O único aspecto negativo é mesmo a dificuldade para entrar e sair de casa com a água batendo nas canelas. 

Selecionei algumas pousadas e albergues em ruas do Centro Histórico ou muito próximas a ele que não são afetadas pelas marés. Todos estão muito bem localizados, próximo dos principais pontos turísticos de Paraty. 

Albergues:

Pousadas:

Onde ficar em Paraty: Caborê

Caborê é um bairro residencial próximo ao Centro Histórico de Paraty
Caborê é um bairro residencial próximo ao Centro Histórico de Paraty. Créditos: Gisele Rocha

Do outro lado da ponte que cruza o Rio Perequê-Açu está a avenida Beira-Rio, porta de entrada para o agradável bairro Caborê, que está a poucos minutos a pé do Centro Histórico e não sofre com as inundações causadas pela maré cheia. 

Foi nele que nos hospedamos durante a nossa última viagem a Paraty, em julho de 2019. 

Vantagens: a região é segura, próxima do Centro Histórico, mas fora da área de alagamento e com a possibilidade de se locomover de carro ou estacioná-lo na rua, caso o hotel não dispuser de garagem. É fácil encontrar pousadas com boa estrutura e preços mais atrativos.

Onde se hospedar no bairro Caborê

Albergue:

Pousadas:

Onde ficar em Paraty: Pontal

Praia do Ponta, boa opção para quem procura onde se hospedar em Paraty
Praia do Ponta, boa opção para quem procura onde se hospedar em Paraty. Créditos: Gisele Rocha

Este é o lugar onde nos hospedaremos quando voltarmos a Paraty. A Praia do Pontal fica a uma curta distância do Centro Histórico e apesar da proximidade do mar, o bairro não alaga durante a maré cheia. Aqui fica o Forte Defensor Perpétuo, que oferece uma vista panorâmica para as construções históricas, o porto e a baía.

À noite o agito vem dos bares e quiosques da orla, mas nada que tire a paz de quem só quer repousar e recuperar as energias para o dia seguinte.

Vantagens: preços ainda mais baixos, fora da área de alagamento, proximidade do Centro Histórico, vista para o mar e vida noturna agitada. Também é possível transitar de carro.

Onde se hospedar no bairro Pontal

Albergues:

Pousadas:

Continua após a publicidade

Onde ficar em Paraty: Jabaquara

Praia da Jabaquara, indicado para quem procura onde ficar em Paraty perto da natureza
Praia da Jabaquara, indicado para quem procura onde ficar em Paraty perto da natureza. Créditos: Zhu / Fonte: Flickr

Se você procura onde se hospedar em Paraty fora do circuito turístico, mas próximo a uma área de natureza exuberante, a Praia da Jabaquara pode ser um ótimo ponto de referência. 

Mar tranquilo, lamas medicinais, árvores que proporcionam sombra e quiosques com preços justos é o que você encontra nessa área. O clima de paz é interrompido no Carnaval, quando o Bloco da Lama entra em cena fazendo a festa de milhares de foliões.

Vantagens: perto do mar, preços mais acessíveis e facilidade de deslocamento através de transporte público e aplicativos.

Desvantagem: é mais distante do Centro Histórico, onde se chega com uma caminhada de aproximadamente 25 minutos.

Onde se hospedar no bairro Jabaquara

Albergue:

Pousadas:

💡 Alugar um carro confere mais liberdade ao passeio!

A melhor forma de explorar a região de Paraty é alugando um carro. Você terá liberdade de horários e poderá conhecer lugares aonde o transporte urbano não chega. Nós usamos e recomendamos a Rentcars, que compara os preços entre as maiores locadoras do país e ainda divide o valor do aluguel em até 12 vezes!

Onde se hospedar em Paraty: Vila de Trindade

Praia de Fora, Trindade, RJ
Praia de Fora, Trindade, RJ. Créditos: Gisele Rocha

A Vila de Trindade fica a 24 km de distância de Paraty e é o lugar recomendável para mochileiros que não ligam para luxo e sofisticação. A localização é privilegiada, com praias idílicas e cachoeiras deslumbrantes cercadas por Mata Atlântica. Leia o nosso guia completo de Trindade.

Vantagens: fácil acesso através de carro ou transporte público, diversidade nos tipos de hospedagens e baixos custos, além da proximidade com praias belíssimas.

Onde ficar em Trindade

Camping:

Albergues:

Pousadas:

Onde ficar em Paraty: Praia do Sono

Praia do Sono em um dia comum
Praia do Sono em um dia comum. Créditos: Gisele Rocha

Se tudo o que você precisa é sombra e água fresca, a Praia do Sono é uma opção sem igual. Ela fica a 30 km do Centro Histórico e para chegar lá é preciso fazer uma caminhada de aproximadamente 1h20 ou pegar um barco ao preço de R$ 30, com travessia de 10 minutos. Valerá cada passo dado ou cada centavo gasto. Leia o guia completo da Praia do Sono

Onde se hospedar na Praia do Sono

Camping:

Casas de temporada:

Dicas para economizar com hospedagem em Paraty

  • O calendário de eventos de Paraty é bastante diversificado. A cada mês ocorre ao menos uma festa importante e é justamente nessas datas que os preços aumentam e as pousadas lotam. Se você quiser participar dessas festividades, reserve hospedagem com antecedência. 
  • Se o seu objetivo for gastar pouco, programe a viagem para dias de semana ou, se não tiver escolha, para finais de semana que precedem feriados nacionais e festas locais. As diferenças de preços são expressivas!

Seguro viagem nacional

Você tem plano de saúde? Ele oferece cobertura em todo o território brasileiro? Se as respostas forem negativas, aconselho que você contrate um seguro viagem nacional. Ele custa apenas R$4,82 por dia e cobre despesas médico-hospitalares, inclusive para prática de esportes de risco, além de reembolsar seus gastos com remédios.

Alguns planos também cobrem gastos por atraso de voo e extravio de bagagem, um plus para quem viaja pelo Brasil de avião. Use o nosso cupom de desconto e pague ainda menos!

Seguros Promo
VIAJEIBONITO5

Cupom que dá direito a 5% de desconto

Ver todos os cupons

Como utilizar este cupom

  1. Acesse a página da Seguros Promo
  2. Preencha as datas de sua viagem e escolha um destino
  3. Selecione a apólice
  4. Utilize o cupom na etapa de pagamento
Seguros Promo
CRESCER

Cupom que dá direito a 10% de desconto

Ver todos os cupons

Cupom temporário válido entre 16/08/2019 e 19/08/2019

Os passos são os mesmos do nosso cupom

Leia mais sobre Paraty

Prepare-se para sua viagem

Em Paraty, nossa sugestão de hospedagem é o Che Lagarto Hostel Paraty (82, diárias a partir de R$39,00). Já em Rio de Janeiro, recomendamos o Hoshtel (94, diárias a partir de R$60,00). Aprenda a reservar um hotel pela internet aqui. Você pode procurar outros hotéis através do Booking, ou então se sua preferência é por albergues, acesse o Hostelworld.

Quer economizar em sua viagem? Conheça então os cupons de desconto oferecidos pelo Viajei Bonito.

Mesmo sem a obrigatoriedade de contratar um seguro viagem ao viajar pelo Brasil, é altamente recomendável para garantir assistência médica em acidentes ou doenças. Você pode fazer sua cotação clicando aqui e utilizando o cupom de desconto VIAJEIBONITO5. Aprenda a contratar um seguro viagem e conheça também o seguro viagem que vale por um ano inteiroE se liga que tá rolando promoção! Até o dia 19/08/19 você pode usar o cupom CRESCER para garantir 10% de desconto em sua apólice! Aproveite esse descontão porque ele é por tempo limitado! Como alternativa, nós sugerimos que você também faça uma cotação na Real Seguro Viagem.

Vai alugar um carro? O preço do aluguel de veículos na categoria Economico em Rio de Janeiro é de aproximadamente R$55,00 por diária (confira mais preços aqui). Na Rentcars você compara preços em diversas locadoras no mundo todo com muita segurança, sem taxas no cartão de crédito, 5% de desconto no boleto, parcelamento em até 12 vezes e isenção de IOF. Veja como é simples fazer sua cotação e reservar um carro pela internet.

A GetYourGuide oferece passeios, tours, visitas a atrações turísticas e guias para vários destinos no mundo! Descubra o que ela tem a oferecer para Rio de Janeiro. Você pode conferir também o nosso passo-a-passo sobre como reservar tours e guias pela internet.

Descubra quando viajar para Rio de Janeiro, ou então pesquise por preços de passagens aéreas para destinos nacionais e internacionais na plataforma da Passagens Promo.

Se você teve algum voo cancelado, atrasado, perda de conexão, overbooking, extravio de bagagem ou outros tipos de imprevisto com companhias aéreas, faça aqui uma consulta e descubra se você tem direito a indenizações. A Resolvvi cuida de toda a burocracia e você recebe o valor sem sair de casa, além de pagar apenas se ganhar.

A ClickBus é uma plataforma para compra de passagens de ônibus no Brasil indicada pela ampla quantidade de itinerários. Utilize o cupom ABUS05 para garantir 5% em sua compra.

Receba um desconto em sua primeira viagem com a Uber ao utilizar o cupom 9udns9 durante o cadastro pelo aplicativo ou então através deste link.

No Rio de Janeiro, o almoço simples sai por volta de R$30,00, já o fast-food sairá por mais ou menos R$25,37. Considerando o cappuccino, podemos dizer que o cafezinho da tarde custa R$6,44. Em restaurantes, a garrafa d'água de 330ml custa R$3,26, o refrigerante - considerando também o de 330ml - custa R$5,18 e o pint de cerveja R$8,00. Descubra quanto custa viajar para Rio de Janeiro.

Adicione ao Pinterest

Clique na imagem para adicionar este artigo em seu Pinterest e veja também nossos painéis. Foto por: Gisele Rocha

Gisele Rocha

Formada em Comunicação Social pela UFJF. Andou meio mundo tentando descobrir o que queria fazer, até descobrir que queria mesmo era andar pelo mundo.

Ver mais artigos de Gisele Rocha

Créditos da imagem de capa: Gisele Rocha. Imagem utilizada nas redes sociais: buteo / Fonte: Shutterstock.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *