Até pouco tempo atrás, a pergunta que eu mais ouvia na vida era: “de onde você tira tanto dinheiro para estar sempre viajando“? E alguns ainda faziam cara de descaso quando eu dizia que viajava sem grana mesmo. Hoje as coisas estão mudando. Felizmente. as pessoas começaram a assimilar que viajar não é um privilégio restrito aos mais abonados, que com pesquisa e planejamento é possível economizar durante qualquer viagem, seja na cidade vizinha, em outro estado brasileiro ou até no exterior.

Já mostrei aqui 3 roteiros que fiz pela Europa gastando até 5 mil reais em cada um, também já publiquei um roteiro de 30 dias pela América do Sul, passando por 6 países e gastando menos de 6 mil reais, ambos incluindo passagens aéreas, seguro viagem, alimentação, hospedagens, atrações turísticas e tudo mais.

Mas como eu consigo economizar TANTO durante as minhas viagens? Por que as minhas viagens são mais baratas que as de outras pessoas? Vou te passar as minhas dicas e pedir para você contar as suas na caixa de comentário, após o texto.

1 Passagens aéreas

Dicas para encontrar passagens aéreas baratas

Dicas para encontrar passagens aéreas baratas. Créditos: Andrey Larin / Fonte: Fonte: StockSnap

Milhas

Confesso que acho muito chato esse negócio de ficar alucinada com milhas, mas passei a dar valor a elas quando fiz alguns voos longos com a mesma companhia e vi que já tinha saldo suficiente para voar para vários destinos, alguns deles internacionais.

Aí passei a viajar só com essa mesma companhia e suas parceiras, comecei a pagar mais coisas no cartão de crédito e a comprar em lojas online conveniadas (informação que você encontra diretamente no site de cada programa, como Smiles, Multiplus e TudoAzul).

Flexibilidade de destinos e datas

Abrir o leque de opções de destinos facilita na hora de encontrar passagens baratas. Foi assim que viajei para o Sudeste Asiático, Estados Unidos, Rússia, países bálticos e alguns destinos aqui dentro do Brasil. Vou juntando a grana e quando aparece alguma boa promoção de passagens aéreas para algum destino que me interesse, eu compro.

Viajar nos feriados e na alta temporada é inevitavelmente mais caro. Se puder flexibilizar a sua viagem para uma data menos concorrida, conseguirá preços melhores.

Stopover

Sabe o que é Stopover? É quando você compra a passagem para um determinado destino e tem a chance de fazer uma longa conexão em uma cidade no meio do caminho, ficando lar por alguns dias sem pagar nada a mais por isso. Foi assim que viajei a Paris e Santiago sem gastar nada.

Outra opção é escolher voos com muitas horas de conexão, tempo suficiente para conhecer alguns pontos turísticos. Fiz isso novamente em Paris, Roma, Nova York, Lima, Buenos Aires e tantas outras cidades pelo mundo.

Viajar com a FAB

Eu nunca consegui porque nunca tentei, mas é possível sim viajar de carona com a Força Aérea Brasileira. Só é necessário ter flexibilidade de datas e disponibilidade para arrumar tudo e viajar de uma hora para outra. O Bernardo do blog Instinto Viajante escreveu um guia detalhado sobre isso.

Cuidado com as low costs

Ninguém resiste à tentação de comprar uma passagem aérea de um país para outro na Europa por 15 euros, mas é sempre bom verificar a distância entre o aeroporto e o centro da cidade, além do preço de deslocamento e até o horário de chegada. Já me aconteceu (mais de uma vez até) de chegar de madrugada em alguns destinos e não ter mais transporte público. A solução foi pagar uma fortuna em táxi, lamentando que se tivesse comprado uma passagem em outro horário ou em outro aeroporto teria gasto menos e não perderia tanto tempo me deslocando. Aprendi na marra que o barato muitas vezes sai caro.

2 Bagagens

Ainda inexperiente, carregando um monte de bagagens desnecessárias

Ainda inexperiente, carregando um monte de bagagens desnecessárias. Créditos: Laura Almeida

Uma das formas de economizar durante qualquer viagem é levando pouca bagagem. Assim fica mais fácil utilizar o transporte urbano e você se livra de pagar para despachar bagagens. Eu consegui viajar pela Patagônia durante 20 dias com uma mala de 12kg, levando um monte de agasalhos. Então você também consegue!

3 Hospedagens

Quartos compartilhados tendem a ser mais baratos

Quartos compartilhados tendem a ser mais baratos. Créditos: Gisele Rocha

Não filtre pelo preço

Um erro crasso que eu mesma cometi muitas vezes foi filtrar Hostelworld, Booking e Airbnb por preço, sem olhar se a localização é próxima aos pontos turísticos. Não adianta economizar em hospedagem se você vai precisar gastar com transporte urbano e ainda passar um tempão dentro de ônibus ou metrô.

Nem vou mencionar que escolhendo o mais barato você corre o risco de ir parar em um muquifo cheio de bed bugs.

Quartos compartilhados

Antes de me casar e começar a trabalhar remotamente, quartos compartilhados em hostels eram a opção que eu sempre usava para economizar em hospedagem.

Mulheres que viajam sozinhas não precisam ficar receosas, pois muitos estabelecimentos oferecem quartos femininos, onde homens não entram nem para limpar. Se você nunca se hospedou em hostel, veja aqui algumas dicas para iniciantes.

Airbnb

Alugar um quarto ou até mesmo um apartamento inteiro pode sair mais barato que se hospedar em hotéis e hostels. Adriano e eu utilizamos a plataforma durante toda a nossa road trip de 6 meses pelos Estados Unidos e recomendamos sem pestanejar. Cadastre-se aqui para ganhar um desconto na sua primeira estadia.

Couchsurfing e congêneres

Couchsurfing não é uma plataforma que permite a troca de hospedagem gratuita. Mais que isso, ela promove uma troca cultural muito rica entre pessoas do mundo inteiro.

Com uma proposta diferente de hospedagem gratuita, encontrei o House Sitting, no qual o interessado toma conta da casa de uma pessoa que se ausentará durante determinado período. Além de manter o lugar em ordem, às vezes é necessário cuidar de animais de estimação, dando comida, brincando, levando para passear e tudo mais. Existem diversos sites para esse tipo de hospedagem, HouseSitter TrustedHousesitters são os mais usados.

Observação: atente-se para o fato de que em nenhum dos casos você terá serviço de quarto, recepção 24 horas, café da manhã e outras regalias que recebemos nas formas tradicionais de hospedagem, como hotéis, pousadas e hostels.

Viagem à noite

Dá para economizar em hospedagem viajando de trem ou de ônibus à noite. Como você já teria que se deslocar de qualquer forma, vale a pena pagar por uma poltrona mais confortável, dormir pelo caminho e despertar renovado no seu próximo destino.

4 Comida

Economize nas refeições comendo nos mercados de rua

Economize nas refeições comendo nos mercados de rua. Créditos: Adriano Castro

Café da manhã no hostel

Muitos hostels oferecem café da manhã incluído no preço da diária e assim você economiza em uma refeição. Não há problema também em fazer um sanduíche ou pegar uma fruta para comer durante o dia. Só não abuse!

Feiras e mercados de rua

Para conhecer a culinária local gastando pouco, mergulhe de cabeça nas feiras e mercados de rua. Dá para sair saciado sem falir e ainda experimentar novos sabores.

Antes de comprar algum quitute, verifique as condições de higiene do local. Se puder pedir referências para algum morador da cidade, melhor ainda.

Lanches

Prepare você o seu próprio lanche para comer durante um passeio, trilha ou no aeroporto. Aqui temos algumas sugestões simples e baratas.

Cozinhando

Ficando em hostel ou Airbnb, você poderá utilizar a cozinha para preparar suas próprias refeições e assim economizará uma grana. Se for guardar algum elemento na geladeira, não esqueça de etiquetar o recipiente com o seu nome e a data do check-out.

Usando o Google Maps

O Google Maps tem uma função que mostra os restaurantes da cidade divididos em subcategorias. A minha favorita é “para gastar pouco” ou “eat cheap“, se o seu dispositivo estiver configurado em inglês.

Para encontrar essa função, clique nos três risquinhos no canto superior direito do Google Maps no seu celular. No menu que vai se abrir, clique em “Explorar”. Assim você encontrará restaurantes divididos em diferentes categorias: café da manhã, almoço, café e lanches, jantar e bebidas. Dentro dessas abas você encontrará a opção “para gastar pouco”. Faça bom uso dela!

Não coma em aeroportos

R$17 reais por um pão de queijo, R$8 por uma garrafa d’água, R$6 por um pacote de chicletes sem açúcar. Esses são os preços praticados em alguns aeroportos do Brasil e a coisa não muda de figura em outros países do mundo. Se você pretende economizar durante qualquer viagem, prepare alguma coisa em casa para comer no aeroporto.

Atenção! Carnes e derivados do leite precisam ser consumidos antes do controle de segurança ou serão jogados fora.

5 Turismo

Visitando atrações gratuitas em Milão durante um mochilão barato

Visitando atrações gratuitas em Milão durante um mochilão barato. Créditos: Viajei Bonti

Atrações gratuitas

Quando estiver montando o roteiro, pesquise por atrações gratuitas nas cidades de destino. Além de economizar, você encontrará muitos passeios legais pouco conhecidos pela maioria dos turistas.

Pontos turísticos manjados

Sério mesmo que você acha que dar uma volta na London Eye é uma coisa imperdível? £32.45 (R$159,26!!!!) para andar de roda gigante? Tá maluco! Fora a fila! Dá para ver a cidade do alto de outras formas e ainda curtir mais 60 atrações gratuitas.

Isso foi só um exemplo ilustrativo, mas você pode aplicar a mesma premissa a outras cidades badaladas.

Dias livres nos museus

Alguns museus oferecem entrada livre em determinadas datas. Nos mais concorridos, é necessário reservar com antecedência ou encarar fila para pegar senha. Se houver algum museu que você queira muito visitar, entre no site dele e veja a programação para conferir se há algum dia de entrada gratuita. Funcionários de hostels também costumam passar boas dicas referentes à agenda local.

6 Transporte urbano

Como ir do aeroporto de Lima para o bairro Miraflores

Como ir do aeroporto de Lima para o bairro Miraflores usando o transporte público. Créditos: Ronald Woan / Fonte: Flickr

Não há dúvidas de que usando o transporte público conseguimos economizar durante qualquer viagem. E muito!

Comece pesquisando sobre como sair do aeroporto usando ônibus ou metrô, mas para isso você precisará seguir aquela dica que dei no começo do texto, sobre viajar sem muita bagagem. Você não vai querer encarar a hora do rush com uma mala em cada mão, uma mochila nas costas e uma bolsa no ombro.

Para economizar em transporte público, pesquise por passes diários e semanais. Costumam ser bem vantajosos.

7 Deslocamentos internos

Adriano lendo durante uma viagem de ônibus

Adriano lendo durante uma viagem de ônibus. Créditos: Gisele Rocha

Viajando de ônibus ou trem

Aqui no Brasil não funciona assim, mas na Europa e nos Estados Unidos as passagens de ônibus saem muito mais em conta quando compradas com antecedência. O período ideal é entre 30 e 60 dias. O mesmo vale para viagens de trem.

O site que sempre uso para comparar preços e adquirir passagens de ônibus, trem e avião é o Omio. Assim já saio do Brasil com a garantia de ter comprado pelo melhor preço e não preciso dedicar tempo da viagem correndo atrás disso.

Caronas

Até pouco tempo atrás, pra pedir carona a gente precisava ir pra beira da estrada e contar com a sorte. Há quem diga que essa ainda é a melhor maneira de viajar de graça, mas se a tecnologia pode facilitar as coisas, por que não usá-la?

Hoje em dia existem diversos aplicativos para conseguir carona e dividir as despesas com o motorista, sendo o BlaBlaCar o mais famoso entre eles, já que funciona em vários países.

Outra alternativa é entrar em grupos de caronas no Facebook, com a desvantagem de não ter uma área de avaliação dos motoristas. Fica difícil saber se a pessoa é imprudente, se corre muito, se costuma dar bolo nos passageiros e deixar a galera na mão…

Continua após a publicidade

8 Lembrancinhas

Lembrancinhas de viagens. Créditos

Lembrancinhas de viagens. Créditos: Charlotte90T / Fonte: Flickr

Por que comprar um enfeite de estante, copinho, chaveiro ou ímã com um nome de cidade se você pode ir ao mercado e comprar doces, comidas e bebidas locais por preços muito mais amigáveis? Às vezes, comprar roupas em lojas de departamento também custa menos que aquela camisa brega que diz: “estive na Bahia e lembrei-me de você” e coisas desse tipo.

9 Cupons de descontos

Cupons de descontos ajudam a economizar durante qualquer viagem

Cupons de descontos ajudam a economizar durante qualquer viagem. Créditos: Carol Pyles / Fonte: Flickr

A verdade é que todo mundo tem preguiça de procurar cupons de descontos, mas eles estão por todas as partes. Dá pra economizar com hospedagens, passagens de ônibus, seguro viagem, entradas em museus, outlets, supermercados, Uber, Cabify e por aí vai. Basta dar uma googlada ou entrar no site das empresas em busca de descontos.

Pra te dar um empurrãozinho, toma aqui um desconto de R$100 na sua primeira hospedagem no Airbnb e 5% de desconto no seguro viagem. Use o cupom

VIAJEIBONITO5

Se liga que tá rolando promoção!

Nosso cupom dá 5% de desconto, mas até o dia 22/04/19 você pode usar o cupom PASCOA para garantir 15% de desconto em sua apólice! Aproveite esse descontão porque ele é por tempo limitado!

10 Custos escondidos

Recentemente escrevemos um post dedicado aos custos escondidos, que encarecem as nossas viagens sem que a gente perceba. Tire dois minutinhos para a leitura, sua conta bancária agradecerá.

10 Trabalhe enquanto viaja

Gisele trabalhando pelo computador enquanto viaja

Gisele trabalhando pelo computador enquanto viaja. Créditos: Adriano Castro

Aqui no Viajei Bonito já demos algumas dicas de trabalhos que podem ser executados remotamente, de qualquer lugar do mundo. Se você não tiver habilidades suficientes para essas profissões, pode tentar descolar um trabalho temporário em algum destino do seu interesse. O Murilo do blog Volto Logo tem experiência nisso e compartilhou os conhecimentos dele neste post. A Camila d’O Melhor Mês do Ano também viajou trocando trabalho por hospedagem e escreveu alguns textos explicando detalhadamente como tudo funciona.

Você tem mais alguma dica de como economizar durante uma viagem? Divida com outros leitores aqui nos comentários.

Prepare-se para sua viagem

É altamente recomendável contratar um seguro viagem para garantir assistência médica em acidentes ou doenças. Você pode fazer sua cotação clicando aqui e utilizando o cupom de desconto VIAJEIBONITO5. Aprenda a contratar um seguro viagem e conheça também o seguro viagem que vale por um ano inteiroE se liga que tá rolando promoção! Até o dia 22/04/19 você pode usar o cupom PASCOA para garantir 15% de desconto em sua apólice! Aproveite esse descontão porque ele é por tempo limitado!

Pesquise por preços de passagens aéreas para destinos nacionais e internacionais na plataforma da Passagens Promo.

Adicione ao Pinterest

Clique na imagem ao lado para adicionar este artigo em seu Pinterest e veja também nossos painéis. Foto por: Konstantin Aksenov / Fonte: Shutterstock

Gisele Rocha

Formada em Comunicação Social pela UFJF. Andou meio mundo tentando descobrir o que queria fazer, até descobrir que queria mesmo era andar pelo mundo.

Ver mais artigos de Gisele Rocha

Créditos da imagem de capa: Konstantin Aksenov / Fonte: Shutterstock