15 bate e voltas a partir do Rio de Janeiro

Que o Rio de Janeiro é a cidade brasileira mais requisitada pelos turistas, todo mundo sabe. A capital fluminense reúne renomadas atrações e pontos turísticos mundialmente famosos. Recentemente, publicamos no Viajei Bonito, uma lista com os 10 passeios no Rio de Janeiro para fazer ao menos uma vez na vida, agora é a hora de descobrir 15 bate e voltas a partir do Rio de Janeiro, para cidades próximas e cheias de atrações bacanas.

Há muita coisa bonita e rica em cultura para ser vista nas redondezas. Você pode fazer sempre por conta própria, mas também pode optar por contratar uma agência por comodidade. Assim, não precisará se preocupar com ingressos, transporte e terá sempre um guia à disposição. Tem praia, tem ecoturismo, tem destino romântico, tem para todos os gostos. Vem comigo!

Para quem procura onde ficar no Rio de Janeiro com segurança perto das praias da Zona Sul e dos principais pontos turísticos, os bairros mais recomendados são: Leblon, Copacabana, Leme, Botafogo, Laranjeiras e Flamengo. 

Como sugestão de hospedagem no Rio de Janeiro, indicamos o Hoshtel. Você ler também nosso guia de onde se hospedar no Rio durante o carnaval.

SALVE ESTA IMAGEM NO SEU PINTEREST!

Clique na imagem para adicionar este artigo ao seu Pinterest e viaje pelos nossos painéis.

Bate e voltas a partir do Rio de Janeiro

Graças à localização estratégica e à grande oferta de meios de transporte, é muito simples fazer viagens bate e volta partindo do Rio de Janeiro.

Neste artigo você verá algumas sugestões de destinos turísticos consagrados pelos viajantes e outros praticamente desconhecidos.

1. Niterói

Niterói pode ser um excelente passeio de um dia saindo do Rio de Janeiro
Niterói pode ser um excelente passeio de um dia saindo do Rio de Janeiro. Créditos: Rodrigo Soldon / Fonte: Flickr

 

Niterói é a cidade mais próxima do Rio de Janeiro. Este passeio de um dia parte do Rio de Janeiro e atravessa a ponte Rio-Niterói – a maior de concreto armado do hemisfério sul. A primeira atração é o chamado “Caminho Niemeyer”. É um complexo arquitetônico, projetado por Oscar Niemeyer, que conta com o prédio da Fundação Niemeyer, o Memorial Roberto Silveira e o Teatro Popular. Em seguida, está prevista uma visita ao Museu de Arte Contemporânea (MAC), também projetado pelo arquiteto mais famoso do Brasil.

Dando seguimento ao tour, você passará por todas as praias da baía: Icaraí, São Francisco, Jururuba, Charitas e Adão e Eva. Na praia de São Francisco há uma parada para o almoço. Depois, o passeio segue até o Forte de Santa Cruz. Por último, suba até o pico do Parque da Cidade, 270 metros acima do mar. De lá, você terá uma vista panorâmica de toda Niterói, além de conseguir avistar o Pão de Açúcar e o Cristo Redentor, cartões postais do Rio. Se sobrar tempo, não deixe de visitar a Praia de Itacoatiara, a mais procurada da cidade.

  • Distância: 20 km
  • Deslocamento de carro: 30 minutos fora do horário de pico
  • Sugestão de hospedagem: Dunas de Itaipu

2. Maricá

Maricá é uma excelente opção de passeio de um dia para se fazer saindo do Rio de Janeiro
Maricá é uma excelente opção de passeio de um dia para se fazer saindo do Rio de Janeiro. Créditos: Marinelson Almeida Silva / Fonte: Flickr

Maricá sem dúvida está entre as cidades próximas do Rio de Janeiro que merecem sua visita. Se você gosta de passeios que envolvam natureza, você vai ter muito o que fazer por lá. O município também é muito conhecido pela riqueza histórica contida em suas chácaras e grandes fazendas. Dois bons exemplos – e que valem a visita – são a Fazenda de Itapeba e a Fazenda do Pilar.

Entre as principais praias, destacam-se a Praia de Ponta Negra, Barra de Maricá, Guaratiba, Cordeirinho, Itaipuaçu e Jaconé. Para os aventureiros, vale a pena uma visita na Gruta do Spar e Gruta de Ponta Negra. A Pedra do Elefante e a Pedra do Macaco também são cartões postais da cidade e apresentam belas vistas panorâmicas. Se você estiver com tempo disponível, vale a pena conhecê-las.

3. Rio Bonito

Rio Bonito é uma cidade pacata, um excelente bate e volta a partir do Rio de Janeiro
Rio Bonito é uma cidade pacata, um excelente bate e volta a partir do Rio de Janeiro. Créditos: Prefeitura Municipal de Rio Bonito

Rio Bonito é um município da região metropolitana do Rio de Janeiro, perfeito para um bate e volta. É uma cidadezinha bem charmosa e relativamente pequena, com cerca de 55 mil habitantes. No centro da cidade, o destaque fica para a igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, datada do século 18. Além dela, as ruínas da capela de Braçanã e o Engenho da Farinha merecem uma visita.

O principal atrativo de Rio Bonito é também a natureza, já que a cidade é contornada pela Serra do Sambê. Em suas trilhas e riachos, uma imensidão de espécies da fauna e flora da Mata Atlântica é revelada. Cachoeiras e mirantes também podem ser explorados. Na Serra, a 560 metros de altura, você encontrará uma rampa para voo livre, usando a asa-delta. Essa rampa é considerada pelos amantes do esporte como a segunda melhor do estado do RJ. A pista é construída em forma de leque, o que possibilita pegar os melhores ventos sudoestes favoráveis na decolagem.

  • Distância: 80 km
  • Deslocamento de carro: 1h
  • Sugestão de hospedagem: Hotel Indiano

Alugue um carro para o seu bate e volta!

A melhor forma de explorar cidades vizinhas ao Rio de Janeiro é de carro. Assim você não fica preso aos horários de ônibus e pode conhecer lugares aonde o transporte urbano não chega. Nós usamos e recomendamos a Rentcars, que compara preços entre as maiores locadoras do país e ainda divide o valor do aluguel em até 12 vezes!

4. Petrópolis

Petrópolis é uma ótima opção de cidade para se visitar próxima do Rio de Janeiro
Petrópolis é uma ótima opção de cidade para se visitar próxima do Rio de Janeiro. Créditos: The Photographer / Fonte: Wikimedia Commons

Petrópolis sem dúvida é uma cidade que merece a sua visita. Conhecida como Cidade Imperial, possui todo um encanto peculiar. Era uma das rotas preferidas de Dom Pedro II e foi a capital do estado do Rio de Janeiro por 9 anos. Os pontos imperdíveis de lá são: Museu Imperial, Palácio de Cristal, Museu Casa de Santos Dumont e Palácio Quitandinha. Tudo pode ser feito por conta própria, já que muitos pontos turísticos da cidade são próximos. Caso haja necessidade, o uso de transporte público ou taxi/uber é bem tranquilo por lá.

Se você estiver procurando por comodidade, há uma excursão que sai do Rio e dura cerca de 8 horas. Essa cidade serrana do Rio de Janeiro está a 68km da capital e em pouco mais de 1h de viagem você estará no seu destino. Por isso, Petrópolis é uma das cidades mais visitadas quando o assunto é bate e volta do Rio de Janeiro.

O passeio começa pela residência de verão do Imperador Dom Pedro II. O Museu Imperial conta com um acervo de milhares de peças, incluindo roupas, móveis, os aposentos e a Coroa do imperador. De lá, segue para a Catedral São Pedro de Alcântara, onde estão os restos mortais da princesa Isabel, assim como de Dom Pedro II e da Imperatriz Teresa Cristina.

À tarde, a excursão vai até o Palácio de Cristal. Era lá que a Princesa Isabel proporcionava festas e solenidades. Na sequência, haverá uma visita à famosa Rua Tereza, um pólo comercial com centenas de lojas – com foco no vestuário. Para encerrar o tour, passa-se pela fábrica de chocolate Patrone. A fábrica data de 1913 e foi a precursora na fabricação de ovos de páscoa no país.

Veja o nosso roteiro com o que fazer em Petrópolis

  • Distância: 68 km
  • Deslocamento de carro: 1h15
  • Sugestão de hospedagem: Casa Piabanha

5. Teresópolis

Teresópolis e seu principal cartão postal, a Serra dos Órgãos
Teresópolis e seu principal cartão postal, a Serra dos Órgãos. Créditos: Gisele Rocha

Teresópolis está entre as principais cidades da região serrana do Rio, a menos de 100km da capital fluminense. Podemos dizer que esse é um dos melhores bate e voltas a partir do Rio de Janeiro.

Foi essa proximidade que atraiu com frequência as visitas de Dom Pedro II e Teresa Cristina – essa última responsável pelo nome da cidade. O principal ponto turístico é, sem dúvida, o Parque Nacional da Serra dos Órgãos (PARNASO). É um dos parques mais antigos do país, criado em 1939. Conta com mais de 200km de trilhas, 50 cachoeiras e 12 rios. Ruínas de antigas fazendas e sítios históricos também podem ser encontrados dentro do parque. Além disso, poços para banho, área de piquenique e piscina de águas naturais estão entre os atrativos do PARNASO. Para saber sobre todas as atrações, preços e horários, é bom visitar o site oficial, que está em constante atualização.

Se estar no meio da natureza é seu passeio preferido, também vale a pena conhecer o Parque Estadual dos Três Picos e o Parque Natural Municipal Montanhas de Teresópolis (veja a Pedra da Tartaruga lá!). Visite o Mirante do Vale Paraíso e tenha uma das melhores vistas do Dedo de Deus. Conheça a Cachoeira dos Frades, local de gravação de várias novelas. Uma dica: se você estiver em Teresópolis aos sábados, domingos ou feriados, visite a Feirinha de artesanato de lá. A feira é clássica, ocorre desde 1983 e reúne artesãos da cidades e artistas populares, dispostos na Praça Higino da Silveira.

Um outro passeio interessante é a Granja Comary. Provavelmente você já ouviu esse nome na TV, pois é sempre lá que a seleção brasileira de futebol treina e se concentra para as competições mais importantes. Além de uma imensa área vede, a vista do Lago Comary é encantadora. Caso você decida pernoitar na cidade ou fique até mais tarde, o setor gastronômico da cidade é uma excelente pedida. Comida alemã, comida brasileira, restaurantes à la carte, cervejarias e bares com entretenimento não faltam por lá. No site oficial da prefeitura de Teresópolis dá para ver uma lista com os destaques.

Assista ao nosso vídeo sobre o que fazer em Teresópolis.

  • Distância: 96 km
  • Deslocamento de carro: 1h30
  • Sugestão de hospedagem: Hotel Vila Nova

6. Barra do Piraí

Aldeia das Águas Water Park, em Barra do Piraí, Rio de Janeiro
Aldeia das Águas Water Park, em Barra do Piraí, Rio de Janeiro. Créditos: Divulgação

Barra do Piraí é um dos mais divertidos bate e voltas a partir do Rio de Janeiro. A cidade pertence à região do Vale do Paraíba e está a pouco mais de 100km da capital. O município faz parte da região do Vale do Ciclo do Café, por isso um dos principais passeios por lá é conhecer as fazendas. Várias delas datam do século 19 e estão abertas à visitação. As mais famosas são Fazenda Ponte Alta (1830) e Fazenda Arvoredo (1854). Na Ponte Alta, você terá a oportunidade de ver o mobiliário original, a senzala e até mesmo as rodas d’água. A Arvoredo oferece o Chá Imperial, com direito ao café colonial bem completo, ofertado pela baronesa e suas mucamas. Outras fazendas famosas por lá são Fazenda Aliança, São João da Prosperidade e Taquara.

Na cidade, você pode conhecer a Catedral de Sant’Anna, construída em 1881, que já recebeu visitas do Imperador Dom Pedro II. Uma atração diferente e muito recomendada por lá é o Aldeia das Águas Water Park. É um parque aquático com 17 piscinas, toboáguas, rio corrente e piscina de ondas. Além disso, dispõe de campos de futebol, quadras poliesportivas, lago de pesca e spa. O destaque do local fica para o Kilimanjaro, eleito pelo Guinness o maior toboágua do mundo no estilo body slide. São 49,9 metros e sua descida dá a sensação de uma queda livre, alcançando 100km/h.

7. Conservatória

Antiga estação ferroviária e atual rodoviária de Conservatória

Conservatória é um distrito de Valença, no interior do Rio de Janeiro. Como está a menos de 150km da capital, é perfeitamente possível fazer um bate e volta a partir do Rio de Janeiro. O distrito possui menos de 5000 habitantes e é conhecido como a capital das serestas. Sendo assim, a principal atração de quem visita a cidade é curtir as serestas (em locais fechados) e serenatas (ao ar livre). Além disso, em todos os finais de semana, a cidade promove a Solarata e um chorinho muito animado na praça. Durante o dia, você pode passear nas tradicionais charretes, apreciando construções como a Igreja Matriz de Santo Antônio e a estação de trem de 1883.

Para quem gosta de museus ligados à arte e à música, há várias opções: Museu Vicente Celestino e Gilda de Abreu, Museu Sílvio Caldas, Museu Gilberto Alves e Museu Nelson Gonçalves. Aos sábados, em sessão única e concorrida, o Cine Centímetro exibe musicais americanos da década de 50 e 60. Assim como Barra do Piraí, Conservatória também fez parte da era do café, fase em que a cidade mais prosperou. Por isso, uma opção de passeio é visitar as fazendas de café da região. A mais famosa delas é a Fazenda Florença, que data de 1852.

Leia o nosso roteiro com o que fazer em Conservatória em 1 dia.

Antes de continuar a leitura, que tal ver as nossas fotos no Instagram?

8. Sana

Arraial do Sana, um possível bate e volta a partir do Rio de Janeiro
Arraial do Sana, um possível bate e volta a partir do Rio de Janeiro. Créditos: Fotografia Bruno Figueiredo / Fonte: Flickr
Arraial do Sana – comumente conhecido como Sana – é um distrito de Macaé e está a 160km do Rio de Janeiro. É um destino muito interessante para os praticantes do ecoturismo, de montanhismo e de rafting, já que o local está englobado por matas e inúmeras cachoeiras. Possui uma grande área de preservação ambiental, com cerca de 350 espécies de pássaros catalogadas e vários animais silvestres. A 1120 metros de altitude está o Pico Peito do Pombo, um dos cartões postais de lá. Entre as principais cachoeiras, destacam-se a do Escorrega e a da Roncadeira, que possui mais de 80m de altura.

Se estiver por lá até mais tarde, saiba que Sana é o abrigo de muitos músicos. Eles tocam nos finais de semana, em aconchegantes bares e a festa costuma ir até de manhã. Os principais ritmos que você encontrará por lá são o forró, o reggae e o samba. Para quem gosta de uma comprinha, na feirinha local os artesões da cidade oferecem seus produtos, com foco no crochê.

  • Distância: 160 km
  • Deslocamento de carro: 2h20
  • Sugestão de hospedagem: Peniel do Sana

9. Penedo

Penedo, Rio de Janeiro. Um dos melhores destinos para curtir o inverno no Brasil
Penedo, Rio de Janeiro. Um dos melhores destinos para curtir o inverno no Brasil. Créditos: Sergio Ziliotti / Fonte: Flickr

Penedo é um bairro, “fundado” em 1929 por finlandeses, pertencente ao município de Itatiaia. É considerada a principal colônia finlandesa no Brasil, o que pode ser comprovado pela cultura local e pela arquitetura das construções. O Museu Finlandês Dona Eva é responsável por manter viva essa influência da Finlândia, através de objetos, fotos e trajes típicos de lá. É imprescindível que você visite a Pequena Finlândia – um mini-shopping onde está a Casa do Papai Noel, além de lojas de artesanato e chocolates.

Para os amantes do ecoturismo, Penedo possui várias cachoeiras. As principais e mais procuradas pelos turistas são a Cachoeira de Deus, as Três Cachoeiras e o Poço das Esmeraldas. Se você estiver procurando por cachoeiras mais reservadas, a dica é a Serrinha do Alambari, que fica mais distante (cerca de 14km de Penedo). Outra opção é o Rio Palmital, que fica a uns 20 minutos do centro da cidade, acessível através de uma trilha.

Aproveite também para visitar uma das casas de chocolate de lá, onde as guloseimas são produzidas na hora. Experimente também um sorvete finlandês (mas cuidado, é bem mais caro do que parece). Nas noites de sábado, no Clube Finlândia, há um baile tradicional da região.

  • Distância: 177 km
  • Deslocamento de carro: 2h20
  • Sugestão de hospedagem: Pousada Finlandia

10. Visconde de Mauá

Visconde de Mauá em um bate e volta a partir do Rio de Janeiro
Visconde de Mauá em um bate e volta a partir do Rio de Janeiro. Créditos: Fred Schinke / Fonte: Flickr

Visconde de Mauá é um povoado do município de Resende. Possui cerca de 6000 habitantes e sua principal atividade econômica é o ecoturismo. É uma região de bosques, montanhas, rios cristalinos e cachoeiras. Possibilita a prática de esportes radicais, como canoagem, voo livre, mountain bike e mountain board. A região de Mauá é dividida em três vilas: Visconde de Mauá, onde ficam os restaurantes, hotéis e demais serviços; Maringá, a vila mais animada, onde estão os estabelecimentos mais descolados; e Maromba, que tem um estilo mais alternativo e está mais perto das cachoeiras da região. Falando nelas, as principais da região são: Escorrega, Poção da Maromba e Santa Clara. Se você quiser ver todas as cachoeiras de lá para planejar seu dia, aqui vai um link com todas elas.

Se estiver por lá à noite, que tal dar uma passadinha na Casa Beatles Visconde de Mauá? É um pub temático com ótima comida. Você também pode optar pela Cervejaria Maresia de Mauá ou então por um rodízio de fondue, aproveitando o clima romântico que a cidade carrega.

11. Arraial do Cabo

Como evitar praias lotadas em Arraial do Cabo, Rio de Janeiro
Como evitar praias lotadas em Arraial do Cabo, Rio de Janeiro. Créditos: Gisele Rocha

Arraial do Cabo faz parte da Região dos Lagos e fica a menos de 170km da cidade maravilhosa. As cidades da Região dos Lagos são ótimas opções para passeios de um dia saindo do Rio de Janeiro. A cidade é carinhosamente chamada de “Caribe Brasileiro”, devido ao seu mar calmo, belos lagos e águas bem azuis. Este passeio começa na Praia dos Anjos e vai em direção à Praia da Ilha do Farol. Esta praia foi classificada pelo INPE como uma das praias mais perfeitas e uma parada de 30 minutos está programada por lá.

Na sequência, você fará um tour pela costa da ilha e conhecerá a Pedra do Macaco, a Fenda de Nossa Senhora, o Boqueirão e a Gruta Azul. No retorno, é hora de mais uma parada de cerca de 30 minutos, desta vez nas Prainhas do Pontal. O passeio total dura cerca de 12 horas. Se você estiver por conta própria, a Praia do Pontal do Atalaia e a Praia do Forno são bem famosas e destinos recorrentes dos turistas.

12. Cabo Frio

Cabo Frio é uma das cidades próximas ao Rio de Janeiro para bate volta
Cabo Frio é uma das cidades próximas ao Rio de Janeiro para bate volta. Créditos: Filippo Ferrari / Fonte: Shutterstock

Cabo Frio é a cidade da Região dos Lagos com maior economia, contando com mais de 200 mil habitantes. O município consegue oferecer opções de turismo para todos os gostos: seja pontos naturais para ecoturismo, seja no comércio ou nos bares badalados. Seu mar azul e gelado é marca registrada da cidade. Embora haja diversas opções de praias e lugares para visitar, é possível selecionar apenas alguns pontos de interesse e fazer um passeio de um dia saindo do Rio de Janeiro.

Você pode começar o passeio pela orla da Praia do Forte, curtir a praia e depois seguir para o famoso Bairro da Passagem. Ali mesmo você pega o barco que leva à bela Ilha do Japonês, onde pode almoçar peixes frescos.

Ainda dá tempo de conhecer a  badalada Rua dos Biquínis, considerada pelo Guinness o maior shopping de moda praia a céu aberto do mundo. O passeio termina com uma visita ao Convento Nossa Senhora dos Anjos e à Capela de Nossa Senhora da Guia, duas riquezas religiosas da cidade praiana. 

Veja o nosso guia com as melhores praias de Cabo Frio e o nosso post com o que fazer em Cabo Frio quando chove.

13. Búzios

Armação de Búzios é uma das cidades mais bonitas do litoral do Rio de Janeiro
Armação de Búzios é uma das cidades mais bonitas do litoral do Rio de Janeiro. Créditos: Tulio Borges / Fonte: Flickr

A cidade de Armação de Búzios – comumente chamada de Búzios – está situada em uma península na costa norte do estado. Inicialmente a cidade era apenas uma vila de pescadores e hoje é uma das mais visitadas do Brasil.

Este passeio dura cerca de 14h e começa com um city tour na Rua das Pedras – a mais famosa da cidade – recheada de restaurantes e lojas. No tour estão previstas paradas de 30 a 40 minutos em três locais: Ilha Feia, Praia de João Fernandes e nas Praias da Tartaruga e Tartaruguinha. Além disso, conseguirá vistas panorâmicas de outros cartões postais da cidade, como a Praia da Armação, Orla Bardot, Praia dos Ossos, Ilha do Caboclo, Praia das Virgens, Praia dos Amores e Ilha Branca.

  • Distância: 176 km
  • Deslocamento de carro: 2h30
  • Sugestão de hospedagem: Casa Clara

14. Angra dos Reis

Ilhas Botinas, Angra dos Reis, Rio de Janeiro
Ilhas Botinas, Angra dos Reis, Rio de Janeiro. Créditos: Diego Baravelli / Fonte: Wikimedia Commons

Angra dos Reis é um município localizado no sul do estado do Rio, com cerca de 200 mil habitantes. Possui 365 ilhas ao seu redor. Por isso, os principais passeios na cidade acontecem a bordo de um barco, visitando cenários paradisíacos e badalados. Outra atividade sempre em alta é o mergulho, devido à diversificada vida marinha. Há peixes, crustáceos, moluscos, moreias e tartarugas. Nas redondezas das Ilhas Botinas, você encontrará inúmeras dessas belezas no fundo do mar.

Existe um passeio de um dia saindo do Rio de Janeiro que inclui um city tour pela orla de Angra, começando pelo cais principal. De lá, começará o passeio de escuna, em direção à Lagoa Azul, Praia do Araçá, Ilhas Botinas e Ilha de Gipóia. Há paradas de 40 a 60 minutos em cada um desses locais. O tour completo, bate e volta do Rio de Janeiro, dura cerca de 12h. Se você estiver por conta própria, vale a pena conhecer o centro histórico da cidade, que conta com igrejas, conventos e construções coloniais. Se estiver por lá à noite, o bairro da Vila do Frade oferece diversas opções gastronômicas.

15. Ilha Grande

Bate volta de barco em Ilha Grande, Rio de Janeiro
Bate volta de barco em Ilha Grande, Rio de Janeiro. Créditos: Fabio Takashi / Fonte: Wikimedia Commons

Nosso último destino dos 15 bate e voltas a partir do Rio de Janeiro é Ilha Grande. É a maior ilha do estado do Rio (e a 5ª maior do Brasil) e uma das ilhas pertencentes ao município de Angra dos Reis. A infraestrutura da ilha fica concentrada na Vila do Abraão, principal vilarejo de lá. É lá onde você atraca, se partir de barco de Angra.

Neste passeio, você sai do Rio de Janeiro até Conceição do Jacareí. Embarcará em uma lancha – conhecida como fastboat – e fará a primeira parada na Lagoa Azul, após 30 minutos de trajeto. Seguirá para um passeio panorâmico na Enseada das Estrelas (também chamado de Saco do Céu) e fará uma parada na Praia da Camiranga. Por último, a praia visitada será a Praia da Crena, uma das melhores da Ilha. Suas águas são esverdeadas, rasas e calmas. O pôr do sol de lá é uma beleza à parte. Se estiver por conta própria, vale a pena conhecer os resquícios de um presídio de segurança máxima que havia lá, desativado em 1994.

  • Distância: 160 km até Angra dos Reis + 22 km de barco
  • Deslocamento: 2h50 de carro + 1h30 de barco
  • Sugestão de hospedagem: Pousada do Canto

Passagens aéreas para o Rio de Janeiro

A seguir você encontra os melhores preços de passagens para o Rio de Janeiro. Para mudar a cidade de origem, basta selecionar outras opções no canto superior direito da tabela.

Então é isso! Se você indica algum outro bate e volta do Rio de Janeiro para alguma cidade próxima ou se tem alguma dica de passeio dos lugares citados no post, conte para gente! Use o espaço dos comentários abaixo.

Espero que as dicas tenham sido úteis, boa viagem!

15 bate e voltas a partir do Rio de Janeiro

Prepare-se para viajar

Use o cupom CLIENTE para adquirir o seguro viagem com até 20% de desconto. Além da cobertura médico-hospitalar, você também estará protegido em casos de cancelamento de viagem, extravio ou danos à bagagem.

Ícone hotel

Reserve hospedagem com antecedência através do Booking e Hostelworld para garantir preços promocionais. Parcelamento sem juros no cartão de crédito e possibilidade de cancelamento reembolsável.

Garanta internet em mais de 210 países utilizando o chip da Easysim4u, que nós já testamos na Europa e do norte ao extremo sul das Américas. Use o cupom SPRING e garanta 50% de desconto.

Economize em passagens aéreas usando o comparador de preços ou a ferramenta quando viajar, um calendário que mostra as tarifas mais baixas para o destino que você escolher.

Tenha liberdade para ir aonde quiser alugando um carro através da Rentcars, que atua em parceria com locadoras renomadas do mundo todo. Parcele sem IOF em até 12x ou cancele sem custos.

Pague menos comprando suas passagens de ônibus com a ClickBus, a empresa líder em vendas online de passagens rodoviárias, trabalhando em parceria com mais de 140 empresas em mais de 4 mil destinos!

Faça passeios guiados em qualquer lugar do mundo e fure a fila comprando ingressos com antecedência através da GetYourGuide. Cancele sua reserva até 24 horas antes do início de sua atividade e obtenha reembolso integral.

Osmar Sexto

Formado em Ciência da Computação, ex-analista de sistemas e jogador profissional de poker desde 2013, vai levando a vida rodeado por músicas, esportes, jogos, séries e viagens.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para o topo